Fiep exalta benefícios com investimento no aeroporto

Campos Gerais

21 de maio de 2019 21:19

Fernando Rogala

  • Comentários
    0 compartilhados
  • Imprimir

Relacionadas

Jaguariaíva revitaliza Praça Isabel Branco

Cras de Carambeí promove aulas de artesanato

Palmeira será contemplada com o projeto 'Contem Arte'

Vereador de Prudentópolis morre em Curitiba
Empresários de Palmeira participam de talk show
Lobo Guará é resgatado na BR-277 após acidente
Prefeito de Jaguariaíva debate fomento no setor de Turismo
Aporte prevê a construção de um novo terminal de passageiros, ampliação e reforma do pátio para aeronaves na cidade Foto: Arquivo JM
PUBLICIDADE

Investimento de R$ 35 milhões será licitado pelo município com recursos do Governo Federal


Os aeroportos paranaenses receberão mais de R$ 140 milhões para a realização de obras de melhorias. Parte deste valor virá para Ponta Grossa, para a construção de um novo terminal de passageiros, ampliação e reforma do pátio para estacionamento de aeronaves e a construção de uma nova pista para taxiamento no Sant’Ana. São R$ 35 milhões em obras, que estão prestes a ser licitadas pelo município. Melhorias que permitirão maior fluxo de passageiros e mais voos, com a implantação do sistema de Voo por Instrumentos (IFR).

Além dos benefícios para toda a população da região, que pode voar de Ponta Grossa para qualquer lugar do mundo, a soma dessas melhorias traz uma vantagem competitiva na atração de indústrias. É um fator a mais em uma região já tão visada pelas empresas por inúmeros outros fatores. “O aeroporto é estratégico para o desenvolvimento e para a atração de grandes empresas. Toda empresa que vem se instalar pergunta se tem aeroporto, então é um passo muito grande”, explica Darcy Miara Júnior, diretor da Federação das Indústrias do Estado do Paraná (Fiep) em Ponta Grossa. 

Ponta Grossa retomou os voos regulares em outubro de 2016, e desde então conta com voos diretos para Campinas. Houve a interrupção apenas para a reforma da pista, no ano passado, por cerca de um mês. Agora, há o avanço nas melhorias, que poderão trazer ainda mais pontos positivos para a movimentação econômica da região. “Esse investimento, aumentando o terminal de passageiros, permitirá um fluxo maior. Toda essa logística trará muitos ganhos para Ponta Grossa, Tibagi, Castro, Piraí e toda a região”, completa Darcy Miara. 

Soma-se a isso o fato de que os voos estão com alta ocupação. “A viabilidade é enorme. De acordo com o gerente do aeroporto, o Victor [Hugo de Oliveira], hoje está com a falta de vagas: todos os voos saem lotados. Então a companhia aérea terá um ótimo retorno”, completa o diretor da Fiep. Hoje o município possui quatro voos semanais (segunda, quarta, sexta e domingo), todos entre Ponta Grossa e Campinas. 


Telêmaco Borba

Conforme informações reveladas pela Fiep, o aeroporto existente em Telêmaco Borba tem o potencial de integrar a rede estadual de aeroportos. Caso isso venha a acontecer, é mais um diferencial da região. “É uma região que tem muito a se desenvolver, especialmente com os investimentos realizados pela Klabin. Com o novo investimento, vem outras empresas relacionadas ao setor, então toda a estrutura é bem-vinda. A nossa região está muito bem no Estado e o Paraná está muito bem no Brasil”, conclui Miara.


PUBLICIDADE

Recomendados

IVC Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização
aRede aRede
aRede
aRede