Professores são vacinados contra a gripe em Palmeira

Campos Gerais

26 de maio de 2020 12:00

Da Redação


Relacionadas

Jaguariaíva amplia distribuição de água na zona rural

Comércio de Carambeí abre neste final de semana

Ortigueira registra segunda morte pelo coronavírus

CCR RodoNorte chega a quase 180 km em duplicações no PR
Polícia prende envolvidos na morte de médico
Pacote de obras rodoviárias soma R$ 430 mi
Missas presenciais serão retomadas em Reserva
Até o momento 8.052 palmeirenses já receberam a dose da vacina contra a gripe Foto: Reprodução/AEN
PUBLICIDADE

Fazem parte dos grupos os professores de escolas públicas e privadas e adultos de 55 a 59 anos de idade

Começa nesta terça-feira (26) a vacinação dos grupos prioritários da segunda etapa da terceira fase da Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe em Palmeira. Fazem parte dos grupos os professores de escolas públicas e privadas e adultos de 55 a 59 anos de idade.

No momento da vacinação os professores devem apresentar o crachá funcional para comprovar o vínculo com alguma instituição de ensino. Crianças de 6 meses a menores de 6 anos, gestantes, puérperas até 45 dias pós-parto e pessoas com deficiência, membros dos grupos participantes da primeira etapa, também continuam recebendo a vacina.

Ao todo, nas três fases da campanha, 8.119 palmeirenses que estão nos grupos prioritários devem receber a vacina. A campanha se estende até o dia 5 de junho e nesta edição não contará com Dia D, devido a pandemia do coronavírus.

Neste ano a campanha foi antecipada, de abril para março, para proteger de forma antecipada os públicos prioritários contra os vírus mais comuns da gripe. A vacina contra influenza não tem eficácia contra o coronavírus, porém, neste momento, irá auxiliar os profissionais de saúde na exclusão do diagnóstico para coronavírus, já que os sintomas são parecidos.

Crianças

A vacinação das crianças deve ser agendada pelos responsáveis. Eles devem agendar um horário na sua Estratégia de Saúde da Família (ESF) de referência diretamente com as agentes comunitárias de saúde (ACSs), por telefone ou pelo Whatsapp de cada unidade. A medida visa evitar a aglomeração de pessoas nas unidades de saúde, visto que mais de 2,5 mil crianças devem se vacinar.

Parcial

Até o momento 8.052 palmeirenses já receberam a dose da vacina contra a gripe, em um total de 8.119 pessoas que devem receber a vacinação, ou seja, 99,17% do público alvo já foi vacinado.

Cinco grupos prioritários já ultrapassaram 100% de cobertura vacinal de seus públicos alvos: puérperas (103,7%), trabalhadores da saúde (152%,4), idosos (133%), pessoas com comorbidades (150%) e pessoas privadas de liberdade (150%). Crianças (72,8), gestantes (46,6%), adultos de 55 a 59 anos (60,8%) e funcionários do sistema prisional (61,54) ainda estão abaixo da meta, que é de vacinar ao menos 90% de cada um dos grupos prioritários.

Vacina

A vacina, composta por vírus inativado, é trivalente e protege contra os três vírus que mais circularam no hemisfério sul em 2019: Influenza A (H1N1), Influenza B e Influenza A (H3N2).

A vacina contra influenza não tem eficácia contra o Coronavírus, porém, neste momento, irá auxiliar os profissionais de saúde na exclusão do diagnóstico para Coronavírus, já que os sintomas são parecidos. E, ainda, ajuda a reduzir a procura por serviços de saúde.

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe envolve as três esferas gestoras do Sistema Único de Saúde (SUS), contando com recursos da União, das Secretarias Estaduais e Municipais de Saúde.

Informações Assessoria de Imprensa

PUBLICIDADE

Recomendados