Tibagi reforma mais de 200 km de estradas rurais

Campos Gerais

04 de agosto de 2020 21:00

Da Redação


Relacionadas

Construção civil enfrenta escassez de matéria-prima

Em Carambeí, Patrícia Kremer ainda aguarda definições

Polícia aplica mais de R$ 650 mil em multas ambientais

Palmeira registra dois novos casos de covid-19
Avante registra candidatura à Prefeitura de Carambeí
Matérias mostram panorama das eleições em PG e região
Irati tem uma das disputas mais acirradas dos Campos Gerais
Os investimentos têm garantido estradas de qualidade para o escoamento da produção agrícola municipal Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

Os investimentos têm garantido estradas de qualidade para o escoamento da produção agrícola municipal

A Prefeitura de Tibagi tem feito importantes investimentos na manutenção das estradas rurais do município. Em um levantamento realizado pela Secretaria Municipal de Transportes, em apenas um ano, mais de 200 quilômetros de vias receberam cascalhamento e outras melhorias. Os investimentos têm garantido estradas de qualidade para o escoamento da produção agrícola municipal, principalmente dos pequenos produtores.

O prefeito Rildo Leonardi ressalta que os números, mais uma vez, comprovam a preocupação da gestão manter as estradas com qualidade. “Tibagi é um município muito grande, somos o segundo maior do estado em extensão. Com isso, as estradas são um dos nossos grandes desafios. Procuramos fazer da melhor forma, e atender aos pontos possíveis, garantindo uma boa mobilidade para toda a população da zona rural, além de contribuir para o escoamento da produção agrícola que é muito importante para nossa economia", disse.

Neste ano, até o mês de maio, já foram utilizados mais de 7 mil m³ de cascalho, que recuperaram 14 quilômetros de estradas. No Cerrado, foram feitos quatro mil metros de cascalhamento, dois mil e trezentos na Estrada dos Poços, e quase dois mil no Espigão. Também foram atendidos Marabá, Capivari, Menino Jesus, Vila Rural, Faxinal dos Mendes, a saída para o Rincão, Assentamento Retiro, Vila Rural e Barreiro.

Com corte, patrolamento e saída de água, em 2020, já foram feitos 97 quilômetros. 30 deles na Estrada de Caetano Mendes, 20 na Estrada do Russo, e 12 no Cerrado e Cachoeira.

Em 2019, foram cascalhados 51 quilômetros de estradas e utilizados 18 mil m³ do material. Os pontos que mais foram atendidos naquele ano foram Cerro Azul e Rincão, com oito cada. No desvio entre Tibagi e Telêmaco Borba, enquanto a estrada principal estava interditada, foi realizada a manutenção de um trecho de sete quilômetros. Na Estrada do Índio e no Barreiro, o total de vias melhoradas chegou a cinco mil metros. Também receberam manutenção a Vila dos Abel, Faxinal, Barreirinho, Socorro, Faxinalzinho e São Domingos. Em outros serviços executados pela Secretaria de Transportes, o total foi de mais de 50 quilômetros.

Com informações da assessoria de imprensa

PUBLICIDADE

Recomendados