Klabin já investiu R$ 3,8 bilhões no Projeto Puma II

Campos Gerais

27 de outubro de 2020 19:10

Fernando Rogala


Relacionadas

Corpo é encontrado em decomposição em represa

Homem morre em acidente com rolo compressor

Grave acidente na BR-277 resulta em duas mortes

Palmeira tem sete novos casos de covid-19 e um internamento
Secretaria de Educação de Palmeira lança livro
CCR registra queda no número de acidentes com mortes
Polícia prende envolvido na morte de médico de Castro
Obras da Máquina de Papel 27 estão mais de 50% prontas Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

Valor já foi aplicado na construção da nova unidade em Ortigueira. Somente nos últimos 3 meses empresa aplicou R$ 1,1 bilhão na obra


A Klabin, maior produtora e exportadora de papéis para embalagens do Brasil, iniciou este segundo semestre com um investimento bilionário nas obras de construção do Projeto Puma II, em Ortigueira, na região dos Campos Gerais. Somente entre os meses de julho e setembro, a Companhia fez o aporte de R$ 1,14 bilhão nas obras. Somados aos valores já aplicados entre janeiro e junho, a empresa aplicou R$ 2,57 bilhões. 

As obras tiveram início em julho de 2019, e somando tudo o que foi aportado no terreno, localizado na mesma área onde está a Unidade Puma II, onde a Klabin já opera a produção de celulose branqueada, na forma de fibra curta, fibra longa e fluff, o desembolso acumulado já foi de R$ 3,84 bilhões nestes 15 meses. O projeto foi orçado, em sua integridade, em R$ 9,1 bilhões, para ser executado no prazo de 48 meses. 

Segundo o que informou a Klabin, através de um comunicado a investidores, a primeira máquina de papéis para embalagens do projeto conta com 57% do cronograma das obras já executado. Esse levantamento foi feito na última quarta-feira, dia 21 de outubro. Após a realização do processo de desmobilização temporária no final do primeiro trimestre, devido à pandemia, e posterior remobilização ao longo do segundo trimestre dos profissionais envolvidos nas obras, o projeto sofreu alteração na data planejada de ‘start-up’ da primeira máquina, passando a ter uma expectativa de início das operações no mês de julho de 2021 -frente a uma previsão inicial de maio do mesmo ano.

Esta obra em execução no momento se refere à Máquina de Papel 27, a primeira máquina de papel do Projeto Puma II, a qual produzirá papeis para embalagens de baixa/média gramatura (80 a 200 g/m²) ‘Kraftliner’ e ‘Kraftliner Branco’. Para isso, a unidade utilizará 100% de fibras curtas, com capacidade de 450 mil toneladas anuais. Nesta primeira fase, o investimento será na casa dos R$ 6 bilhões, ou seja, o equivalente a dois terços do total a ser aplicado no empreendimento. 

Já a segunda etapa de construção do projeto, cujas obras serão realizadas entre o segundo semestre de 2021 e o final do primeiro semestre de 2023, contempla a instalação de uma segunda máquina, responsável por produzir papéis de média e alta gramatura (150 a 300 g/m²), utilizando fibras mistas. Sua capacidade de produção será de 470 mil toneladas por ano. Para esta fase, a Companhia projeta o desembolso de pouco mais de R$ 3 bilhões. Após a instalação dessas duas máquinas de papéis, a Unidade Puma II terá capacidade de produção anual de 920 mil toneladas.


Companhia alcança receita líquida recorde no terceiro trimestre

A Klabin atingiu, neste terceiro trimestre (entre julho e setembro), Ebitda ajustado (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) de R$ 1,23 bilhão, o que representa um resultado 59% maior do que o obtido no mesmo período de 2019. Com crescimento em todas as linhas de negócios, a receita líquida da Companhia alcançou R$ 3,1 bilhões no terceiro trimestre, recorde histórico, que representa um aumento de 25% em relação ao mesmo período em 2019. O volume total de vendas, excluindo madeira, nos meses de agosto, setembro e outubro deste ano foi de 910 mil toneladas, um incremento de 14% em relação ao terceiro trimestre do ano passado. Isso se deve ao fato de a empresa atender aos setores de bens de primeira necessidade, que registraram uma forte aceleração na demanda no período.

PUBLICIDADE

Recomendados