PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Douglas fortalece a geração de empregos em Ipiranga

Campos Gerais

13 de abril de 2021 20:58

Allyson Santos


Relacionadas

Sleutjes fortalece agronegócio com ministra da Agricultura

Caminhoneiro alcoolizado é detido pela PRF na região

Arapoti debate estratégias para a volta às aulas

Reserva estrutura nova ala para o atendimento da covid
Ipiranga faz planos em conjunto com a Defesa Civil
Porto Amazonas anuncia investimento em escolas
Carambeí interdita escola após casos de covid-19
Prefeito avalia ações realizadas nos primeiros 100 dias de governo e expõe os desafios impostos pela pandemia Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

Prefeito avalia ações realizadas nos primeiros 100 dias de governo e expõe os desafios impostos pela pandemia

O desenvolvimento industrial foi uma das prioridades da gestão municipal de Ipiranga nestes primeiros 100 dias de governo. Em entrevista concedida ao Jornal da Manhã e Portal aRede nesta terça-feira (13), o prefeito Douglas Modesto (PSB) destacou a instalação de grandes indústrias na cidade e avaliou o desempenho da atual administração nos mais diversos setores. O chefe do Executivo também reforçou a importância da realização de investimentos nas áreas de saúde e infraestrutura.

A prefeitura firmou parcerias com as empresas Kadesh e Tirol neste início de ano. A instalação das fábricas potencializa a geração de empregos dentro do município. De acordo com o prefeito, uma das metas da gestão é fortalecer este setor e modificar o histórico pouco industrializado de Ipiranga. “Nós fomos em busca destes contatos desde o início da gestão. Eu entendo a carência de empregos aqui no município e a realidade da nossa população”, explica Modesto. “O contrato com a Kadesh, por exemplo, foi uma grande conquista. Em longo prazo, a parceria deve render entre 50 e 100 empregos para Ipiranga”, ressalta.

“Com relação à Tirol, conseguimos auxiliar, recentemente, no processo de liberação da licença operacional. Hoje, a empresa está praticamente finalizada”, reforça o prefeito. Segundo a previsão repassada pela Tirol, a intenção é iniciar os processos produtivos ainda no primeiro semestre deste ano. “Temos dialogado com as empresas para priorizar a mão de obra existente em Ipiranga. Acreditamos que essas duas fábricas devem transformar Ipiranga”, avalia Modesto. De acordo com o chefe do Executivo, a gestão também pretende criar um distrito industrial nos próximos anos com o objetivo de atrair novos investidores.

Sobre os impactos da pandemia na cidade, o prefeito explicou que muitos projetos importantes foram adiados por conta da crise. “É uma dificuldade muito grande. Todos os setores da administração são afetados”, relata. Durante a entrevista, Douglas expôs a dificuldade com relação à contratação de profissionais de saúde para atuar na linha de frente no combate à covid. “Todas as cidades estão à procura de novos funcionários. Temos essa preocupação e pretendemos ampliar o atendimento o mais rápido possível. Além disso, os profissionais que já atuam conosco estão extremamente esgotados. Sempre buscamos incentivá-los da melhor forma”, lamenta o prefeito.

Outro projeto importante que vem sendo debatido pela administração municipal é ampliação dos serviços médicos prestados pelo Hospital Municipal de Ipiranga. Um projeto de lei que autorizava a concessão do hospital foi vetado pela câmara ainda no mês de março. No entanto, Douglas Modesto revelou que, durante a sessão realizada nesta última segunda-feira (12), os vereadores declararam que pretendem apreciar novamente o projeto.


Administração investe no interior

O prefeito de Ipiranga, Douglas Modesto (PSB), também detalhou o planejamento que a prefeitura vem elaborando para os moradores da zona rural. “Temos um carinho especial com essas pessoas. Nós presenciamos as dificuldades de locomoção e de escoamento da produção agrícola em Ipiranga, especialmente nos dias de chuva”, relata o gestor. “A recuperação de estradas foi limitadas neste início de mandato por conta de problemas estruturais. Contamos com o apoio dos servidores públicos neste momento”, explica.

PUBLICIDADE

Recomendados