PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Municípios da região elaboram projetos para ajudar famílias

Campos Gerais

16 de abril de 2021 17:30

Da Redação


Relacionadas

UEPG doa projeto do IML para ser replicado em Irati

Polícia Civil prende suspeitos de assassinatos em Palmeira

Bandidos tentam roubar carro-forte em Palmeira

Irati amplia diálogo com empresários da cidade
Klabin doa insumos para a saúde de Reserva
Presidente da Paraná Turismo destaca o potencial da região
Prudentópolis solicita instalação de base para o Samu
Arapoti, Castro e Irati avançam na arrecadação de alimentos para pessoas em situação de vulnerabilidade Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

Arapoti, Castro e Irati avançam na arrecadação de alimentos para pessoas em situação de vulnerabilidade

Os municípios dos Campos Gerais tem investido em programas sociais voltados para a arrecadação de alimentos. A Secretaria de Assistência Social de Arapoti tem atuado diretamente no atendimento a famílias em situação de vulnerabilidade social para assegurar que sejam assistidas durante a pandemia. Cestas Básicas (benefício eventual auxílio alimentação) são distribuídos e destinados às famílias atendidas pelos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS) do Município (CRAS Central, CRAS Vila dos Funcionários e Calógeras).

"A equipe técnica dos CRAS avalia a situação da família e realiza a concessão do beneficio, que atenderá de imediato a situação de alimentação”, explica a secretária Osicléia Carneiro. Além disso, explica a secretária, a equipe do CRAS realiza avaliação da família para realizar outros encaminhamentos que auxiliem a família e para que possam acessar outros benefícios e até mesmo sair da situação de vulnerabilidade do momento. “Essas ações fazem parte do cotidiano da equipe dos CRAS, mas foram intensificadas por conta da pandemia”, complementa Osicléia.

Segundo a secretária, a gestão já está fazendo avaliação desse cenário, levantando adolescentes, jovens, adultos e famílias, de forma geral, sem perspectivas de emprego e famílias e pessoas que ainda não estejam inseridas em programas sociais. Para amenizar esses problemas, a gestão reforçará ainda mais as políticas de assistência social em serviços de fortalecimento de vínculos, geração de renda, empoderamento (principalmente de adolescentes, jovens e mulheres) e no empreendedorismo de jovens e mulheres provedoras de seus lares. “A Assistência Social, junto à gestão municipal, vem planejando ações, programas e medidas exclusivas para enfrentar essas questões”, acrescenta a Secretária.


Iniciativa em Castro

As doações para a campanha ‘Saúde sem Fome”, lançada recentemente pela Prefeitura de Castro, já está atendendo famílias carentes. Com os alimentos arrecadados entre as pessoas que vão tomar a vacina contra a Covid-19, a Secretaria Municipal da Família e Desenvolvimento Social já montou aproximadamente 15 cestas básicas. A secretária da Pasta, Michele Nocera Fadel, destacou a importância das doações para amenizar a situação de vulnerabilidade alimentar de várias famílias durante a pandemia. “Salientamos que esse gesto de doação também nos conscientiza em relação a vida do próximo, com um olhar humano. Agradeço de coração a todos que estão participando deste gesto solidário”, disse.


Novo projeto em Irati

A Prefeitura de Irati criou, nesta semana, o programa ‘Cartão prato cheio’ para auxiliar mais de 3,5 famílias iratienses na compra de alimentos neste momento de pandemia. O projeto está em processo de aprovação pela Câmara de Vereadores. O cartão disponibilizará três parcelas de R$ 150 para a compra de alimentos no comércio local. Depois de aprovado pela câmara, o Cartão será distribuído nos Cras para as famílias atendidas pelo Bolsa Família. A previsão da prefeitura é que o ‘Cartão prato cheio’ deve injetar R$1,8 milhão na economia local.

PUBLICIDADE

Recomendados