PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Buraco do Padre faz planos para retomada do turismo na região

Campos Gerais

18 de junho de 2021 21:44

Allyson Santos


Relacionadas

Polícia prende investigados por estupro de menores na região

PRF atende acidente com óbito em Teixeira Soares

Duplicações ampliam segurança na BR-376 na região

Capal doa novos equipamentos para o hospital de Arapoti
Carambeí projeta novo Centro Municipal de Saúde
Piraí do Sul aprova projeto que proíbe fogos com barulho
Ensino municipal de Palmeira retoma atividades na segunda
Gerente do Buraco do Padre, Priscila Scheffer, fala sobre a revitalização do parque e projeta cenário favorável para o setor Foto: Maurício Oliveira
PUBLICIDADE

Gerente do Buraco do Padre, Priscila Scheffer, fala sobre a revitalização do parque e projeta cenário favorável para o setor

O Buraco do Padre é um dos principais pontos turísticos da região dos Campos Gerais e do Paraná. Com uma cachoeira de 30 metros de altura que deságua em um anfiteatro rochoso, o parque de natureza oferece uma das paisagens mais icônicas do mundo. O acesso ao interior da furna é um diferencial do atrativo, que também garante opções voltadas para o turismo de aventura.

A gerente do Buraco do Padre, Priscila Scheffer, foi a entrevistada desta sexta-feira (18) no Painel Digital promovido pelo Jornal da Manhã e Portal aRede. Na ocasião, a responsável pela manutenção do parque comentou sobre os desafios enfrentados durante a pandemia e projetou um aumento na circulação de turistas já no 2º semestre deste ano.

“Foi um período muito difícil, tivemos que segurar todos os investimentos e planos que vinham sendo elaborados”, lamenta Priscila ao relembrar dos primeiros seis meses após o início da crise. “Quando a abertura foi liberada, nos deparamos com uma grande procura por parte do público e tivemos que restringir a entrada de visitantes”, destaca.

Atualmente, o Buraco do Padre conta com uma série de restrições para prevenir o contágio da covid-19 entre funcionários e público externo. A limitação na compra de ingressos e o controle das aglomerações na entrada do parque foram algumas das iniciativas implementadas, assim como a obrigatoriedade do uso da máscara e a disponibilização do álcool em gel.

A administração também acredita que, com o avanço da imunização, o atrativo turístico poderá estabelecer um nível adequado de visitantes. “Esperamos que, a partir disso, as pessoas tenham esse interesse em sair de casa para conhecer os locais disponíveis em Ponta Grossa e região. O Buraco do Padre será a porta de entrada para as pessoas”, projeta.

De acordo com Priscila, o avanço da pandemia possibilitou um estímulo a mais para a regionalização do setor e acelerou a efetivação desse processo. “É algo que nós já esperávamos em um longo prazo. As redes sociais são um dos fatores que influenciam”, comenta a gerente. Atualmente, o Buraco do Padre possui um alto nível de alcance junto ao público por meio das plataformas digitais.

Recentemente, o local foi revitalizado com apoio da iniciativa privada. Apesar de ser uma empresa independente, o Buraco do Padre também recebe o apoio da Águia Florestal para a manutenção do parque. “A Águia sempre prestou esse apoio, desde o início da gestão, em 2015. Foi algo muito importante para fazer com que o Buraco do Padre exercesse todo o seu potencial em termos de turismo”, ressalta Priscila.

O apoio ao parque de natureza está incluído entre as iniciativas de marketing promovidas pelo grupo Águia Florestal, que buscam destacar ações de sustentabilidade. “A gestão do Buraco do Padre surgiu a partir da necessidade de uma melhor oferta de segurança para o público. Consequentemente, vieram os investimentos em infraestrutura”, explica.

“Temos muito orgulho de tudo que foi feito até agora. Ponta Grossa precisava de um lugar como esse”, avalia a responsável pela administração do atrativo. Para Priscila, o apoio de investidores é fundamental para a recuperação do turismo em meio à pandemia.


Diálogo com o poder público deve garantir o fomento do setor

Durante a entrevista, a responsável pela administração do Buraco do Padre, Priscila Scheffer, relembrou a parceria existente entre o parque e a prefeitura de Ponta Grossa. “Recentemente, foi aberta uma licitação para revitalizar a estrada de terra que dá acesso ao ponto turístico. Para nós, isso será muito bom”, destaca a gerente. Atualmente, a administração mantém diálogos com a gestão e está aberta para a realização de novos projetos visando a retomada do turismo. “Entendemos que existe um grande interesse da prefeitura no fomento ao setor. Como fomos um dos precursores, sem dúvidas temos muito a colaborar”, comenta.

PUBLICIDADE

Recomendados