PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Carambeí define planos para o desenvolvimento industrial

Campos Gerais

19 de agosto de 2021 18:30

Allyson Santos


Relacionadas

Empresários da região analisam concessão do Canyon Guartelá

Sengés conclui investimento de R$ 1,5 milhão em infraestrutura

Imbaú analisa qualidade da água em comunidades rurais

Telêmaco se destaca no índice de vacinação contra a covid
São João do Triunfo projeta usina de energia solar
Carambeí amplia atendimento para deficientes visuais
Quatro homens são presos após operação em Arapoti
Prefeita Elisangela Pedroso (PSB) detalha estratégias visando o fomento da geração de emprego e renda na cidade Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

Prefeita Elisangela Pedroso (PSB) detalha estratégias visando o fomento da geração de emprego e renda na cidade

A administração de Carambeí pretende executar uma série de estratégias para fomentar a geração de emprego e renda na cidade. Com o novo Plano de Incentivo Empresarial e Industrial, a prefeitura pretende oferecer condições ideais para a captação de investimentos. Além disso, o município aposta na parceria firmada junto à Invest Paraná e na aplicação de recursos em infraestrutura. 

Em entrevista concedida ao Jornal da Manhã e Portal aRede nesta quinta-feira (19), a prefeita Elisangela Pedroso (PSB) destacou a importância das iniciativas para o desenvolvimento local. “O fortalecimento econômico é uma das propostas que estavam previstas em nosso plano de governo”, relembra a chefe do Executivo. “O programa de incentivos foi implementado com o objetivo de trazer uma melhor qualidade de vida para os nossos moradores e, consequentemente, fomentar o comércio de Carambeí”, destaca.

Entre os estímulos tributários estabelecidos em lei estão a isenção da cobrança do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) pelo prazo de até 25 anos. As indústrias também podem ficar isentas do pagamento do alvará de construção, bem como da licença para uso e ocupação do solo. Ao todo, 18 artigos estão previstos no Projeto de Lei nº 15/2021, que já foi aprovado com ampla adesão dos vereadores na Câmara Municipal.

No início deste mês, a prefeita esteve reunida com o presidente da Invest Paraná, José Eduardo Bekin. A instituição atua como uma importante ferramenta de apoio para as empresas locais e para o diálogo com investidores. “A diretoria já se comprometeu em nos ajudar nesta procura por empreendimentos”, reforça Elisangela. Segundo a gestora, a cidade já apresentou um local que está apto a receber novas fábricas. “Também pretendemos avaliar outros espaços nos próximos dias. Vamos levar essas propostas para a Invest Paraná já no próximo encontro”, explica.

Para viabilizar todo este planejamento voltado à geração de empregos, o município já projeta melhorias no sistema viário. Atualmente, a Avenida dos Pioneiros é a principal estrada de acesso à Carambeí e também é utilizada pelas indústrias locais. Com o objetivo de reduzir o intenso tráfego de veículos e caminhões, Elisangela Pedroso já apresentou um projeto de reformulação para lideranças federais e estaduais. 

A proposta para desafogar o trânsito no local consiste no prolongamento da Avenida das Flores e na revitalização da Rua Tibagi, que dará acesso ao fundo das indústrias e, atualmente, ainda possui trechos sem pavimentação. “É um projeto que demanda um alto custo, mas a expectativa é de um grande benefício em longo prazo”, explica.

PUBLICIDADE

Recomendados