PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Cartão Comida Boa beneficia mais de 750 famílias em Irati

Campos Gerais

22 de dezembro de 2021 00:07

Da Redação


Relacionadas

Polícia Civil prende autor de diversos furtos em Castro

Onda de frio deixa a região e mínimas voltam a subir

Operário vence o Ituano de virada em jogo eletrizante

Jovem é encontrado sem vida dentro de residência em Castro
Vítima de acidente entra em óbito no Hospital Regional
Potencial de consumo da região alcança R$ 27,9 bi
Castro organiza audiências para elaboração da LDO 2023
Em seu discurso, o prefeito Jorge Derbli (PSDB) agradeceu o Governo do Estado pela realização do programa Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

Em seu discurso, o prefeito Jorge Derbli (PSDB) agradeceu o Governo do Estado pela realização do programa

Famílias iratienses que estão em situação de vulnerabilidade social, com renda per capita de até R$ 200 mensais e que não estejam inscritas no programa Auxílio Brasil (antigo Bolsa Família), passarão a receber R$ 80 por mês para compra de alimentos, produtos de higiene e limpeza, por meio do Cartão Comida Boa, programa criado pelo Governo do Estado para ajudar as pessoas mais pobres.

No total, 753 famílias de Irati receberão o benefício, que se tornou permanente. Segundo a secretária de Assistência Social de Irati, Sybil Dietrich, a situação das famílias beneficiadas será reavaliada a cada três meses. Ela avalia que o programa veio em boa hora.

“Estamos muito felizes com este programa. Neste momento, enfrentamos uma situação muito difícil. Sabemos que estamos todos na mesma ‘tempestade’, mas o barco não é o mesmo. Existem sim famílias que estão passando por dificuldades maiores e por isto é muito importante esta ajuda do Governo Estadual”, frisou Sybil.

Em seu discurso, o prefeito Jorge Derbli (PSDB) agradeceu o Governo do Estado pela realização do programa. “Nós só queremos, em nome de todos os prefeitos, agradecer e que tenham mais ações como esta no Estado, porque realmente tem pessoas que estão passando por muita necessidade”, pontuou o gestor durante a solenidade que marcou o início do projeto.

PUBLICIDADE

Recomendados