PUBLICIDADE

Iluminação pública em Prudentópolis será 100% LED até 2024

Instalação das novas lâmpadas é viabilizada a partir da aplicação de recursos próprios do município

Até o momento, já existe uma cobertura de aproximadamente 40% levando em conta todas as localidades
Até o momento, já existe uma cobertura de aproximadamente 40% levando em conta todas as localidades -

Allyson Santos

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

A cidade de Prudentópolis deverá contar com uma iluminação pública 100% em LED até o ano de 2024. A projeção foi destacada pela administração local na segunda-feira (21). A instalação das novas lâmpadas, que teve início ainda no ano de 2017, é viabilizada a partir da aplicação de recursos próprios do município. Até o momento, já existe uma cobertura de aproximadamente 60% levando em conta todas as localidades. Para concluir o restante, está previsto um investimento de R$ 2,1 milhões.

A grande vantagem da lâmpada LED é a economia de energia que ela proporciona. Isso ocorre porque o diodo tem uma grande capacidade luminosa, o que faz com que a produção de luz seja maior, mesmo com menos energia. Desta forma, boa parte da corrente elétrica que é passada pelo produto é revertida em iluminação e não em calor. 

Pela grande capacidade luminosa que as lâmpadas LED possuem, elas duram até 25 vezes mais que as incandescentes e três vezes mais que as fluorescentes. Outro aspecto favorável para o LED é no que diz respeito ao conforto visual e à maior nitidez para os usuários. A tecnologia promove um facho de luz mais direcionado e apresenta maior índice de reprodução de cores, de até 90% para o LED e pouco mais de 20% para a de vapor de sódio.

Estratégia regional

Prudentópolis segue o mesmo caminho de outras cidades localizadas nas regiões dos Campos Gerais e Centro-Sul do estado. Um dos exemplos mais recentes está no município de Reserva que deu início à instalação neste ano. A gestão do prefeito Lucas Machado (Podemos) investiu cerca de R$ 1,3 milhão para viabilizar a substituição das lâmpadas de sódio pelo LED em 70% da zona urbana dentro de um prazo de quatro meses. O recurso foi viabilizado por meio do programa ‘Paranacidade’, do Governo do Estado. A Avenida Coronel Rogério Borba, o trecho urbano da PR-441 e a Rua Marcílio Dias já contam com o novo sistema.

A gestão do prefeito Celso Kubaski (Cidadania) em Imbituva também segue em busca de alternativas para aprimorar a segurança pública e favorecer a economia de recursos. Neste sentido, a administração efetuou a instalação de novas luminárias LED em diversas vias públicas da cidade. Ao todo, foram substituídas 520 lâmpadas de vapor de sódio. A expectativa da gestão é que a mudança proporcione uma economia energética de até 60%.

Nova subestação da Copel amplia fornecimento

A Copel concluiu recentemente uma obra que beneficia, com redução nas quedas e maior estabilidade no fornecimento de energia elétrica, Prudentópolis e cidades do entorno, na região do Centro-Sul, Trata-se da Subestação Jaciaba, construída com o objetivo de aproximar a infraestrutura de distribuição de energia dos consumidores finais. O investimento foi de R$ 5 milhões. A unidade conta com um transformador de 7 MVA (megavolt-ampères) de potência, alimentado a partir da subestação de Prudentópolis. Com a conclusão do empreendimento, agora a rede elétrica percorrerá uma distância menor para abastecer cerca de 1,7 mil propriedades rurais da região.

Com informações da Assessoria de Imprensa
PUBLICIDADE

Conteúdo de marca

Quero divulgar right

PUBLICIDADE