PUBLICIDADE

Palmeira inicia revisão do Plano de Mobilidade Urbana

‘PlanMob’ visa contribuir para o desenvolvimento municipal em longo prazo

Primeira reunião técnica também foi realizada nesta semana
Primeira reunião técnica também foi realizada nesta semana -

Da Redação

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

O Município de Palmeira e a Fundação da Universidade Federal do Paraná para o Desenvolvimento da Ciência, da Tecnologia e da Cultura (FUNPAR) assinaram ontem (22) a ordem de serviço para iniciar a revisão do Plano Municipal de Mobilidade (PlanMob). A contratação do serviço é realizada através do Departamento de Segurança e Trânsito, da Secretaria de Desenvolvimento Urbano.

O PlanMob visa contribuir para o acesso universal à cidade, fomentar e concretizar as condições que contribuam para a efetivação dos princípios, objetivos e diretrizes da política de desenvolvimento urbano, por meio do planejamento e gestão democrática do Sistema Nacional de Mobilidade Urbana.

“Nossa cidade cresceu bastante nos últimos anos, com novos loteamentos e empreendimentos que alteraram significativamente o fluxo de pessoas e veículos, aumento expressivo no número de automóveis em nossas ruas, maior demanda por estacionamentos em áreas centrais, entre outros fatos. Com o plano de mobilidade pretendemos solucionar esses problemas de trânsito, deixando mais dinâmico e fluído o tráfego em nossa cidade, tanto para pedestres, quanto para motoristas”, disse o prefeito Sérgio Belich.

Reunião técnica

A primeira reunião técnica também foi realizada ontem, reunindo os técnicos da FUNPAR, membros da Equipe Técnica Municipal (ETM), a diretora de Segurança e Trânsito, Sabrina Ristow, o assessor de Segurança e Trânsito, Ighor Dombroski, o secretário de Desenvolvimento Urbano, Diego José Lopes, o prefeito Sérgio Belich e o presidente da Câmara de Vereadores, Egon Krambeck. 

A FUNPAR apresentou a estrutura da execução do Plano de Mobilidade, as etapas de mobilização e plano de trabalho, diagnóstico, diretrizes e propostas, plano de ação e investimentos/institucionalização, datas de eventos técnicos, oficinas, audiências públicas e produção de relatórios. A execução das atividades propostas no Plano será realizada em seis meses. A abrangência do plano será área urbana e rural.

A primeira oficina e a audiência pública sobre o Plano Municipal de Mobilidade serão realizadas no dia 12 de dezembro, no auditório da Central de Atendimento ao Cidadão. A oficina terá início às 18h30 e a audiência pública às 20 horas.

Com informações da Assessoria de Imprensa
PUBLICIDADE

Conteúdo de marca

Quero divulgar right

PUBLICIDADE