PUBLICIDADE

Polícia prende acusados de roubo com reféns em Imbituva

Caso foi em março de 2022 e operação nesta terça prendeu quatro pessoas, além de apreender armas e munições

Foram apreendidas uma arma de fogo 9 mm modelo Glock G17 junto com 155 munições
Foram apreendidas uma arma de fogo 9 mm modelo Glock G17 junto com 155 munições -

Da Redação

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

A Polícia Civil de Imbituva deflagrou na manhã desta terça-feira (24) a operação 'Fardo de Ouro', que cumpriu mandados de busca e apreensão e prendeu quatro acusados de roubar manter uma família como refém, em março de 2022, na localidade de Valinhos. A operação foi liderada pelo delegado Thiago Andrade e, além das prisões, foram apreendidas uma arma de fogo 9 mm modelo Glock G17 - de uso restrito e de fabricação austríaca - junto com 155 munições e com um carregador alongado.

De acordo com o delegado de Imbituva, as investigações do crime relevaram que "os criminosos mantiveram a família presa por aproximadamente três horas e agiram com extrema violência, fazendo toda família refém, inclusive crianças, que também estiveram sob a mira de armas de fogo", explica Andrade. A investigação ainda mostrou que a quadrilha estaria envolvida em diversos roubos de carga na região, especialmente fumo.

O caso

O crime aconteceu na noite de 09 de março de 2022 na localidade de Valinhos, interior da cidade de Imbituva. Cinco criminosos invadiram uma residência, sendo três com rostos cobertos e dois com rostos descobertos, e ambos estavam fortemente armados. Ao chegar na casa da família, os criminosos agrediram as vítimas e exigiram o caminhão da família carregado com fardos de fumo, além de levarem também uma picape Fiat Strada, abandonada perto do local do crime horas depois.

Já o caminhão roubado, por sua vez, foi abandonado as margens da BR 277 com problemas mecânicos, impedindo que os indivíduos conseguissem prosseguir com a carga roubada.

Após permanecem aproximadamente por 3 horas no local, três integrantes da quadrilha saíram da residência levando o caminhão da família carregado com o fumo e o veículo Fiat Strada. Já outros dois criminosos permaneceram na casa, mantendo em cárcere privado os reféns até por volta de 2h30 da manhã, momento em que retornaram a residência dois homens que haviam se evadido com o veículo Fiat Strada.

Ao retornar ao local, os criminosos agiram com extrema violência, xingando as vítimas, tendo amarrado suas mãos e pernas, inclusive das crianças, para trás. Os criminosos fugiram e deixaram as vítimas em condição degradante, sendo resgatadas horas depois pela Polícia.

PUBLICIDADE

Conteúdo de marca

Quero divulgar right

PUBLICIDADE