Queda de ponte bloqueia ligação ao RS

Cotidiano

25 de maio de 2019 18:23

Banda B

  • Comentários
    0 compartilhados
  • Imprimir

Relacionadas

Paraná tem uma das gasolinas mais baratas do país

Paraná pode se tornar maior produtor de frutas do Brasil

Previsão de crescimento econômico aumenta

Cinemas têm prazo para dar acessibilidade a cegos e surdos
Caixa e BB iniciam pagamento de cotas do PIS/Pasep
Mulher morre após sofrer descarga elétrica com secador
Idoso é atropelado por carro de luxo e morre na BR-277
PUBLICIDADE

Problema está localizado na BR-101, em Santa Catarina. Ida do Paraná para o Rio Grande do Sul por caminhões e bitrens deve ser feita exclusivamente pela BR-116

A ida do Paraná para o Rio Grande do Sul por caminhões e bitrens deve ser feita exclusivamente pela BR-116, devido a queda da cabeceira de uma ponte na BR-101, em Sangão (SC), a 20 km de Tubarão. Carros conseguem desviar por Lauro Muller, mas veículos de grande porte não. A interdição total na pista sentido Sul aconteceu na noite desta sexta-feira (24) e apenas na segunda-feira existe a possibilidade da liberação do trecho. No sentido Norte, apenas uma pista está liberada, mas a qualquer momento a outra também poderá ser fechada.

O agente Luiz Graziano, da Comunicação Social da Polícia Rodoviária Federal de Santa Catarina, explicou que a situação é caótica na região. “A situação aconteceu no KM 356, 20 km ao Sul de Tubarão, onde houve um processo de erosão pela chuva e a ponte no sentido Sul cedeu totalmente. A pista está totalmente interditada desde as 19h30 de ontem”, descreveu à Banda B.

Graziano confirmou que a pista sentido Paraná também foi fechada durante a noite. “No sentido Norte também tivemos problemas e a pista foi interditada por segurança. Agora pela manhã uma faixa foi liberada, com a marginal fechada. O trânsito é caótico e lento na região, com veículos pesados parados, porque os leves conseguem desviar”, ressaltou.

Segundo o agente, não há previsão de liberação da pista sentido Sul pelo menos até segunda-feira. “Não há previsão de conserto. Pelo menos até segunda-feira não tem o que fazer. Estamos avisando os motoristas para fazerem o retorno em Tubarão. O ideal é já sair de Curitiba pegando a 116, porque só a rotas alternativa se mais longas para veículos leves, por Lauro Muller ou Urussanga”, afirmou.

A ida pela BR-116 se dá por Fazenda Rio Grande até Rio Negro, indo então para Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

As informações são da Banda B

PUBLICIDADE

Recomendados

IVC Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização
aRede aRede
aRede
aRede