Família morre asfixiada dentro da residência

Cotidiano

10 de julho de 2019 10:20

Da Redação

  • Comentários
    0 compartilhados
  • Imprimir

Relacionadas

Governo estuda liberar saque de contas do FGTS

STF suspende processos com dados sem autorização judicial

Paraná tem 34,7% de área com florestas naturais ou plantadas

Governo finaliza segunda etapa da reforma administrativa
Aluguel residencial registra alta de 3,45% no 1º semestre do ano
Ave resgatada tem penas transplantadas 
Petrobras e Uruguai firmam acordo sobre distribuidoras de gás
A família morava em uma casa alugada e o proprietário estranhou que, desde domingo (07), a residência estava trancada. Foto: Reprodução/Mandaguari News
PUBLICIDADE

Polícia suspeita que moradores utilizaram churrasqueira para manter o quarto aquecido durante os dias de frio

Uma família morreu ao tentar usar uma churrasqueira para se aquecer do frio na madrugada desta quarta-feira (10), em Guarulhos, São Paulo. O objeto foi encontrado em um cômodo onde pai, mãe e filho, de dois anos, foram localizados.

De acordo com a Polícia Militar (PM), a família morava em uma casa alugada e o proprietário estranhou que, desde domingo (7), a residência estava trancada, porém, com as luzes acessas.

Após acionar a polícia, o proprietário resolveu abrir a casa usando uma chave reserva e encontrou os três corpos no quarto. Uildes Lima Moreira, de 27 anos, e a criança estavam na cama e o da mãe, estava caído no chão. O pai estava abraçado ao filho.

O que chamou a atenção dos policiais foi que dentro do quarto foi encontrada uma churrasqueira com carvão. A polícia acredita que o casal tenha usado a churrasqueira para aquecer o ambiente, mas tenha faltado oxigênio e eles, então, morreram asfixiados.

Não há sinais de agressão nos corpos e nenhum indício de que alguém tenha entrado na casa. A perícia foi acionada e o caso foi registrado no 7º Distrito Policial de Guarulhos. Os corpos foram levados para o IML de Guarulhos.

Informações Mandaguari News

PUBLICIDADE

Recomendados

IVC Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização
aRede aRede
aRede
aRede