Caixa reduz juros no crédito habitacional

Cotidiano

13 de dezembro de 2019 19:23

Fernando Rogala


Relacionadas

Especialista recomenda o inverno para tratamento de pele

Aplicativo ajudará a rastrear infectados pela Covid-19

Paraná bate recorde com 2.605 novas infecções

Sebrae e Fecomércio apoiam retomada do turismo no PR
Copel vai reabrir agências a partir de segunda-feira (3)
Ex-ministro de Bolsonaro passa a ganhar salário de R$ 110 mil
Policiais salvam vida de bebê que se afogou em piscina
Foto: José Cruz/Agência Brasil
PUBLICIDADE

Redução nas taxas praticadas segue queda da Selic e pode chegar a 63,5%, em alguns casos, segundo a Caixa Econômica


Após a divulgação de nova redução da taxa básica de juros da economia (Selic), a Caixa anuncia a adoção de taxas ainda menores no crédito habitacional e em produtos de crédito pessoal. Ao longo do ano, o banco vem reduzindo as taxas ofertadas aos seus clientes, acompanhando o cenário de queda do indicador de janeiro a dezembro de 2019.

No crédito imobiliário, a redução abrange tanto as concessões pelo Sistema Financeiro de Habitação (SFH) quanto do Sistema Financeiro Imobiliário (SFI) e atinge financiamentos de imóveis residenciais com saldos devedores atualizados pela TR. A redução é de 0,25 p.p. para clientes que optarem por receber seus vencimentos no banco e manter relacionamento com a Caixa. A taxa efetiva mínima para imóveis residenciais será de TR + 6,50% a.a. A Caixa oferece o maior pacote de valor ao cliente que traz seu domicílio bancário e a opção pelo crédito do seu salário. As taxas valem para os novos contratos a partir de segunda-feira (16).

Em relação aos produtos de crédito pessoal, as taxas de juros para o cheque especial passam por uma nova redução, saindo de 8,99 % a.m. para 8,00% a.m. para os clientes que não optarem pelo pacote de relacionamento, redução de 0,99 p.p, e de 4,99% a.m. para 4,95% a.m. para clientes que optarem por receber seu salário na Caixa, redução de 0,04 p.p. As novas taxas começam a valer dia 2 de janeiro de 2020.

As reduções das taxas praticadas pela Caixa acompanham a queda de 31% da Selic no período de janeiro a dezembro de 2019. Para o cliente sem pacote de relacionamento com a Caixa, a taxa do cheque especial teve uma redução de 41% ao longo do ano, saindo de 13,55% a.m. para 8,00% a.m. Com conta-salário na Caixa, essa taxa chega a 4,95% a.m., redução de 63,5%. As taxas do CDC (Crédito Direto Caixa) tiveram redução de 27%, passando de taxas a partir de 3,15% a.m. em janeiro, para 2,29% a.m. hoje

Com informações da assessoria de imprensa.

PUBLICIDADE

Recomendados