Bolsonaro critica fechamento de escolas e ataca governadores

Cotidiano

24 de março de 2020 22:25

Da Redação


Relacionadas

Anvisa libera importação de 6 milhões de doses da Sinovac

Saúde reforça a importância da vacinação contra a poliomielite

MC Kallebe morre afogado no Rio de Janeiro

Cartórios do PR já registraram mais de 3.700 uniões homoafetivas
Projeto de colégio agrícola estadual é finalista de prêmio
Portos do Paraná lança cartilha de proteção ao boto-cinza
Entra em vigor em novembro novo regulamento para rádio
Jair Bolsonaro voltou a minimizar na noite desta terça (24) a gravidade da doença. Foto:
PUBLICIDADE

O presidente pediu para prefeitos e governadores "abandonarem o conceito de terra arrasada", que, para ele, inclui o fechamento do comércio "e o confinamento em massa"

Em seu terceiro pronunciamento em rádio e televisão sobre a crise do novo coronavírus, o presidente Jair Bolsonaro voltou a minimizar na noite desta terça (24) a gravidade da doença.

O presidente pediu para prefeitos e governadores “abandonarem o conceito de terra arrasada”, que, para ele, inclui o fechamento do comércio “e o confinamento em massa”. “O grupo de risco é o das pessoas acima de 60 anos. Então, por que fechar escolas? Raros são os casos fatais de pessoas sãs com menos de 40 anos.”

Bolsonaro também atacou a mídia e voltou a criticar governadores.

Com informações da Banda B

PUBLICIDADE

Recomendados