Bolsonaro critica fechamento de escolas e ataca governadores

Cotidiano

24 de março de 2020 22:25

Da Redação


Relacionadas

Escolas estaduais receberão 12 mil litros de álcool 70%

Governo do PR promove ações para garantir abastecimento

Judiciário destina verbas pecuniárias ao combate da Covid-19

Desemprego no Brasil sobe para 11,6% no mês de fevereiro
PR já distribuiu 1 milhão de doses da vacina contra a gripe
Ibovespa caminha para pior mês desde 1998
Brasil registra 5717 casos e 201 mortes por Coronavírus
Jair Bolsonaro voltou a minimizar na noite desta terça (24) a gravidade da doença. Foto:
PUBLICIDADE

O presidente pediu para prefeitos e governadores "abandonarem o conceito de terra arrasada", que, para ele, inclui o fechamento do comércio "e o confinamento em massa"

Em seu terceiro pronunciamento em rádio e televisão sobre a crise do novo coronavírus, o presidente Jair Bolsonaro voltou a minimizar na noite desta terça (24) a gravidade da doença.

O presidente pediu para prefeitos e governadores “abandonarem o conceito de terra arrasada”, que, para ele, inclui o fechamento do comércio “e o confinamento em massa”. “O grupo de risco é o das pessoas acima de 60 anos. Então, por que fechar escolas? Raros são os casos fatais de pessoas sãs com menos de 40 anos.”

Bolsonaro também atacou a mídia e voltou a criticar governadores.

Com informações da Banda B

PUBLICIDADE

Recomendados