Mulher reencontra família após 14 dias isolada no quarto

Cotidiano

30 de março de 2020 11:10

Da Redação


Relacionadas

PF cumpre mandados na residência de Witzel

Ratinho inclui paridade e integralidade na aposentadoria de policiais

Homem é acusado de violentar enteada no Paraná

Adoção tardia permanece como grande desafio no Paraná
Mais de 971 mil paranaenses já entregaram a declaração
Brasil registra 807 novas mortes e 11.687 infectados
Inadimplência cresce 72% em instituições privadas de ensino
PUBLICIDADE

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, Eliene não é mais capaz de transmitir o vírus, mas ainda precisa manter o isolamento social

A professora de português e inglês, Eliene Scaglioni, foi infectada pelo coronavírus e precisou ficar em isolamento durante 14 dias. Na manhã desse sábado (28), recuperada da doença, a moradora de Londrina, no Paraná, saiu da suíte onde passou a quarentena para reencontrar o marido e os quatro filhos. O momento foi registrado em um vídeo emocionante. (assista abaixo)

No início, foram dores no corpo. Dois dias depois, a febre apareceu. Em pouco tempo, a tosse e um incômodo na garganta se juntaram aos sintomas. Então, Eliene procurou um pronto-socorro da rede particular, onde os médicos suspeitaram tratar-se de um caso de dengue.

Após um exame, a suspeita de dengue não se confirmou e três dias depois saiu o resultado para o teste de coronavírus: positivo. A paciente foi obrigado a se isolar da família em um quarto com banheiro, na casa onde mora.

“Era apenas eu, meu quarto e meu banheiro. Via eles pelas redes sociais e todas as noites dávamos boa noite por vídeochamada. Foi difícil, não vou mentir para você”, disse Eliene em entrevista.

A professora conta que nos dois primeiros dias ficou muito abalada, não conseguia se concentrar e ficou a maior parte do tempo rezando. Mas conforme os dias foram passando, a quarentena também trouxe coisas novas para a vida de Eliene.

“Eu comecei a escrever e criei um blog para falar como estava sendo esse período para mim. Sempre gostei de escrever e isso foi me ajudando muito lá dentro. Também arrumei meu guarda-roupa, tirei tudo para fora e depois higienizei com álcool. Organizei as fotos de casa e tudo o que podia fazer naquela suíte para ocupar a minha mente eu fiz”, relembra ela.

Recuperada

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, a professora está recuperada da doença e não é mais capaz de transmitir o vírus. Porém, o isolamento social continua sendo recomendado, como a todos os brasileiros no momento.

“Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, eu não transmito mais o vírus, mas tenho que manter o isolamento social como todas as outras pessoas. Fiz um novo exame na sexta-feira (27) e ainda estou aguardando o resultado”, afirmou Eliene.

Ela está junto novamente da família, seu marido, das duas filhas, uma de 16 anos e outra de 9, além dos gêmeos de 1 ano e meio.

Informações Banda B

PUBLICIDADE

Recomendados