Unium é destaque nacional na captação de laticínios

Cotidiano

15 de maio de 2020 23:03

Da Redação


Relacionadas

Câmara aprova adiamento das eleições para novembro

Polícia prende suspeito de matar amigo a facadas no PR

Paraná recolhe 1,5 milhão de lâmpadas fluorescentes

Apenas 21% das empresas do PR conseguiram empréstimos
Inscritos no Enem querem prova em maio de 2021
Cães auxiliam na apreensão de 2,5 toneladas de drogas no PR
Governador de Santa Catarina testa positivo para Covid-19
Frísia, Castrolanda e Capal, ficou entre as produtoras que registraram maior aumento de captação, com 9,5% Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

Cooperativas Frísia, Castrolanda e Capal, ficou entre as produtoras que registraram maior aumento de captação, com 9,5%

A Associação Leite Brasil divulgou, nesta semana, o ranking com as maiores empresas de laticínios do país. O resultado é referente ao ano de 2019 e manteve entre as principais produtoras as 13 empresas que já figuravam na lista em 2018. Ao todo, o valor agregado de captação de leite registrou um aumento de 4,1% de crescimento, tendo Nestlé, Laticínios Bela Vista e Unium como as três principais captadoras. 

A Unium, Intercooperação de Lácteos das Cooperativas Frísia, Castrolanda e Capal, ficou entre as produtoras que registraram maior aumento de captação, com 9,5% de crescimento comparado a 2018 - valor que equivale a 1,252 bilhão de litros de leite. O resultado se deve ao modelo de negócios da instituição. Ao trazer para o Brasil o modelo de intercooperação e com os resultados recentes, em diversos setores, mostra-se que foi uma decisão acertada e que tende a crescer no mercado.

Os números revelados no ranking da Associação de Leite Brasil ainda mostram que a Unium conta com 1.293 produtores que geram, cada um, uma média de 1.676 litros de leite por dia. Ao todo, a produção diária da instituição gira em torno de 2.167.068 de litros por dia.

PUBLICIDADE

Recomendados