Deputado paranaense vira manchete internacional

Cotidiano

26 de maio de 2020 17:08

Dhiego Tchmolo


Relacionadas

O seu sofá pode estar deixando você doente

Fotos da 'Festa da Covid' no PR mostram servidores em presídio

Renato Feder deve ser o novo ministro da Educação

Aulas virtuais na pandemia acentuam exclusão escolar
Primeira noite de reabertura de bares tem aglomerações
Bolsonaro diz que pode vetar trechos do PL das Fake News
Contas públicas devem fechar ano com déficit de R$ 828,6 bi
Atitude do parlamentar fez hashtag #vivataiwan ter mais de 150 mil replicações Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

Paulo Eduardo Martins (PSC-PR), felicitou nova presidente de Taiwan após embaixada da China pedir que congressistas brasileiros não o fizessem

O deputado federal Paulo Eduardo Martins (PSC-PR) virou manchete internacional.  Nesta terça-feira (26/05), o portal Taiwan News, destacou uma ação do deputado e a matéria repercutiu em outros sites pelo mundo.

Na segunda-feira, Martins tornou pública uma carta da embaixada da China, que pedia aos parlamentares brasileiros para que não felicitassem a presidente de Taiwan, Tsai Ing-we, por sua posse. Além disso, deputado deixou claro que aquilo era uma afronta e fez questão de usar o seu twitter para parabenizar a nova líder da ilha. A atitude do deputado fez subir no microblog a hashtag #vivataiwan, que já teve mais de 150 mil replicações. A própria presidente taiwanesa, agradeceu ao apoio dos brasileiros na mesma rede social.  

Desde 1949, Taiwan tem um governo independente da China comunista e lá vivem muitos perseguidos políticos. Desde 1979, Pequim tenta reunificar os territórios e, recentemente, aumentou a pressão para evitar uma independência formal.

Para Paulo Eduardo Martins, o fato é motivo de comemoração. Não pelo destaque internacional, em si, mas por chamar a atenção do mundo para o tema: “Defender a liberdade sempre é uma questão de honra. Seja ela na China, em Cuba ou no Brasil”. 

Informações da assessoria de imprensa.

PUBLICIDADE

Recomendados