Tecnologia inovadora será usada no combate ao Covid-19

Cotidiano

10 de agosto de 2020 11:20

Brasil 61


Relacionadas

Prefeitura de Curitiba adia volta às aulas de novo

Governo libera entrada de estrangeiros em todo o país

Petrobras vende dois campos de petróleo de águas profundas

Portos do Paraná incentiva a navegação de cabotagem
Senai prevê 13 novas ocupações em alta no pós-pandemia
IAT atua com instituições para proteger meio ambiente
Está aberta a temporada de reformas, segundo Crea-PR
Trata-se de uma caneta que identifica tumores de forma imediata durante cirurgias de câncer, sem precisar de biópsia. Foto: Reprodução/Brasil 61
PUBLICIDADE

Projeto apoiado pela Capes é desenvolvido por duas universidades brasileira e uma dos EUA

Projeto desenvolvido entre a Universidade Mackenzie, em São Paulo, e as universidades de São Francisco (USF), em Bragança Paulista, e do Texas, nos Estados Unidos, pretende adaptar um dispositivo que detecta o câncer no diagnóstico do novo coronavírus. Trata-se de uma caneta que identifica tumores de forma imediata durante cirurgias de câncer, sem precisar de biópsia.

A proposta foi aprovada no resultado final do Programa de Combate a Epidemias da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES). As amostras usadas no estudo são coletadas em dois hospitais de Bragança Paulista e enviadas para os Estados Unidos. 

Pesquisadores brasileiros entram no páreo para a produção de vacina contra a Covid-19

Segundo os pesquisadores, em cirurgias de pacientes com câncer, a caneta solta uma gota d’água ao entrar em contato com a superfície e verifica se o tecido está infectado, com uma luz vermelha, ou se está saudável, com uma luz verde. A pesquisa integra uma série de ações apoiadas pela Capes relacionadas a pandemia da Covid-19. 

PUBLICIDADE

Recomendados