INSS vai aumentar capacidade de atendimento da Central 135

Cotidiano

23 de setembro de 2020 12:00

Agência Brasil


Relacionadas

Jurídico investe em formação e publicações acadêmicas

Monitor indica seca em todo o território paranaense

Ninguém acerta as seis dezenas e Mega e acumula em R$ 32 milhões

Bolsonaro diz que governo não comprará vacina CoronaVac
Sites falsos simulam leilões da Receita Federal
Obesidade triplica em pessoas com mais de 20 anos
PF investiga corrupção em liberação de licenças ambientais
Até sexta-feira (25), o instituto ligará para todos os segurados que tenham o cadastro correto, informando sobre o novo reagendamento. Foto: Reprodução/Agência Brasil
PUBLICIDADE

Capacidade de atendimento pelo canal aumentará 30% 

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) informa que contratará mais uma central de atendimento para que seja otimizado o atendimento pelo telefone 135. Após a contratação, será aumentada em 30% a capacidade de atendimento por meio do canal.

O INSS acrescentou que “devido ao excesso de demanda provocado pelos acontecimentos da última semana, que gerou busca imediata por agenda e informações”, fará reagendamentos automáticos e avisará ao segurado por meio de ligações. Até sexta-feira (25), o instituto ligará para todos os segurados que tenham o cadastro correto, informando sobre o novo reagendamento. O INSS alerta que nessas ligações não solicita dados bancários ou de benefício.

O segurado que não receber a ligação até a próxima sexta é porque não tinha o cadastro com o telefone válido. Sendo assim, ele deve remarcar o horário ligando para o 135, serviço que estará disponível também, a partir da semana que vem, pelo Meu INSS. Dessa forma, só precisará entrar em contato pelo 135 se não puder comparecer na data e hora marcadas, para proceder o reagendamento mais adequado.

“Por fim, informamos, o INSS acaba de contratar uma plataforma centralizada de comutação. Essa tecnologia, para as centrais que atendem o 135, otimizará o tempo de espera, transferindo automaticamente a ligação para a central que esteja menos sobrecarregada, fazendo com que o atendimento seja mais rápido e eficiente”, disse o órgão.

PUBLICIDADE

Recomendados