PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Prefeitura de PG finaliza obras da UPA Central

Cotidiano

29 de dezembro de 2020 18:10

Da Redação


Relacionadas

Veja o que a Perseverance já registrou em Marte

Aposta única da Mega-Sena leva prêmio de R$ 49 mi

Iniciativa vai premiar startups lideradas por mulheres

Brasil tem recorde de mortes por covid-19 pelo terceiro dia seguido
Sesa divulga mais 95 mortes causadas pela Covid
Forças policiais vão intensificar fiscalização após decreto
Satélite brasileiro será lançado na madrugada deste domingo
PUBLICIDADE

A estrutura está com a parte civil (obras e reformas) finalizada

Na tarde de hoje (29) o prefeito Marcelo Rangel realizou a vistoria na estrutura da nova UPA e entregou as obras finalizadas do local para a Fundação Municipal de Saúde (FMS). A expectativa de iniciar os atendimentos é em janeiro de 2021. A visita foi acompanhada pela atual vice-prefeita e prefeita eleita, Elizabeth Schmidt, e outros secretários municipais.

A estrutura está com a parte civil (obras e reformas) finalizada, estando pendente apenas a instalação do aparelho de raio X. Todo o mobiliário e os equipamentos de Urgência e Emergência já estão instalados.

“Hoje foi possível verificar o avanço da obra e a estrutura moderna que foi instalada. Conseguimos bater nossa meta e entregar mais um espaço de urgência e emergência para atender a população de Ponta Grossa nos momentos mais delicados. Poder encerrar meu mandato com esta notícia é maravilhoso”, destaca Rangel.

O local será inaugurado em janeiro e passará a anteder cerca de 350 pacientes por dia com classificação de urgência e emergência. Os funcionários serão todos remanejados de serviços já existentes no município.

 

UPA Central

 Com uma segunda UPA na região central de Ponta Grossa, deve haver diminuição do fluxo para a região do Santa Paula e também do Hospital Municipal Amadeu Puppi, que tem passado por um aumento na procura por atendimento, o que pode acabar gerando maior espera. Apesar de antes instalar uma estrutura hospitalar, o local precisou ser adequado para a estrutura da UPA, que terá outro tipo de atendimento. Com isso, a região central terá melhores condições de acolhimento da população, facilitando até mesmo o trabalho do SAMU, que poderá reduzir o tempo de resposta em diversos atendimentos.

A estrutura conta com consultórios para os profissionais médicos e dentistas realizarem as consultas, sala de sutura, sala de nebulização, sala de curativos, classificação de risco observação masculina e feminina e sala de estabilização, onde ocorrem os procedimentos de urgência e emergência, raio x, entre outros espaços.

Com informações da Assessoria de Imprensa.

PUBLICIDADE

Recomendados