PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Polícia Civil e TJPR realizam atendimento no Litoral do PR

Cotidiano

10 de janeiro de 2021 19:41

Agência Brasil


Relacionadas

Especialistas apontam causas do avanço da Covid na região sul

Idoso morre após acidente de trânsito no Paraná

Aumento da gasolina causa impacto no preço do etanol

Mais de 2 milhões já enviaram declaração à Receita Federal
PR abre 698 novos leitos de Covid em 12 dias
Mega-sena pode pagar R$ 22 milhões neste sábado
Ajufe e IMM realizam quase 5 mil cursos para detentos
Ação faz parte das atividades do Verão Consciente 2020/2021. O objetivo é agilizar e facilitar a resolução de conflitos que venham a acontecer no Litoral Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

Ação faz parte das atividades do Verão Consciente 2020/2021. O  objetivo é agilizar e facilitar a resolução de conflitos que venham a acontecer no Litoral

A Polícia Civil do Paraná (PCPR) e o Tribunal de Justiça do Paraná (TJPR) estão realizando atendimento integrado aos veranistas, na orla de Matinhos, no Litoral do Estado. A ação iniciou na sexta-feira (8), junto à Delegacia Móvel da PCPR. O objetivo é agilizar e facilitar a resolução de conflitos que venham a acontecer no Litoral.   

O TJPR está realizando atendimentos pré-processuais em casos como divórcio, questões entre vizinhos, parentes ou amigos. Os casos podem ser resolvidos sem a necessidade de abertura de processo, por meio de audiências de mediação e conciliação.    

O desembargador e supervisor-geral da Operação Litoral do TJPR, José Laurindo de Souza Netto ressaltou a importância da integração e o reforço da estrutura judiciária. “A integração com a PCPR é fundamental para resolução célere dos conflitos causados na região. Além disso, beneficia os cidadãos com atendimento rápido e pontual.” finaliza Netto.   

O delegado da PCPR, Gil Tesseroli, coordenador do Verão Consciente na Polícia Civil, comentou sobre a agilidade na resolução de procedimentos. “Um dos fatores importantes para o bom desempenho no Verão Consciente é a integração entre a PCPR e o TJPR, pois permite agilidade em flagrantes, termos circunstanciados, entre outros serviços.” disse o delegado.     

Os policiais civis e a equipe da Van do Juizado Móvel estão à disposição para atender a população, confeccionar boletins de ocorrência e tirar dúvidas. Os acordos realizados pela equipe do TJPR no Litoral são homologados pela Justiça, o que garante a eles a mesma validade de uma sentença judicial.

Justiça Itinerante já realizou 393 audiências no Litoral

Durante a temporada de verão, o Tribunal de Justiça do Paraná (TJPR), por meio da 2ª Vice-Presidência, trouxe ao Litoral o projeto “Justiça Itinerante”, que faz parte das atividades do Verão Consciente 2020/2021 do Governo do Estado. A unidade móvel percorre os balneários das praias do Paraná até a próxima segunda-feira (11).

Nos primeiros 15 dias do Verão Consciente, o projeto Justiça Itinerante já realizou 393 audiências e designou outras 564. Do total, 56% dos atendimentos foram de casos de posse de droga, 31% de contravenções penais e 13% de ameaças.

Nesta temporada, em razão da pandemia da Covid-19, o atendimento está sendo realizado apenas no período da manhã, das 8h às 13h, em três postos fixos nos Fóruns de Guaratuba, Matinhos e Pontal do Paraná. Nos postos, as equipes da do TJPR atuam em casos de competência dos Juizados Especiais Cíveis e Criminais, Violência Doméstica e Familiar, Infância e Juventude e em audiências de custódia.

SOLUÇÃO DE CONFLITOS

Com o Juizado Móvel, as pessoas podem, ainda, fazer mediações,  conciliações pré-processuais e outros encaminhamentos.

Casos como divórcio, questões entre vizinhos, parentes ou amigos podem ser resolvidos sem a necessidade de abertura de processo. Todo o atendimento é realizado pela equipe da van do Juizado Móvel, que circula pelo Litoral realizando as audiências, inclusive homologando os acordos e garantindo a mesma validade de uma sentença judicial.

PUBLICIDADE

Recomendados