PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Nova Mesa do Senado será eleita em fevereiro

Cotidiano

22 de janeiro de 2021 13:20

Brasil 61


Relacionadas

UEPG adia provas do Vestibular e PSS para maio

IGP-M acumula inflação de 28,94% em 12 meses, diz FGV

Contribuinte pode baixar programa da declaração do IR

Fiscalização interrompe culto com duas mil pessoas no PR
Novo lote da vacina CoronaVac chega ao Paraná
Karol aponta erros e pede desculpas ao público
Paraná recebe 102 mil doses de vacinas e inicia distribuição
Para a eleição, o regimento do Senado determina que os partidos devem estar representados proporcionalmente, na medida do possível. Foto: Reprodução/Senado federal
PUBLICIDADE

Senadores vão escolher presidente, primeiro e segundo vice-presidentes, quatro secretários e quatro suplentes para o biênio 2021-2022

Nova Mesa do Senado será eleita em fevereiro. Além do presidente e do primeiro e segundo vice-presidentes, os senadores vão escolher quatro secretários e quatro suplentes, para o biênio 2021-2022. A eleição da Mesa acontece um dia antes da volta dos trabalhos do Legislativo este ano.

Para a eleição, o regimento do Senado determina que os partidos devem estar representados proporcionalmente, na medida do possível. Em matéria do Senado Notícias, a ex-secretária-geral da Mesa do Senado, Cláudia Lyra, explica que a eleição é feita em duas sessões, sendo a primeira para preenchimento do cargo de presidente do Senado e a segunda para escolher os demais membros da Mesa.

O consultor Legislativo do Senado, Arlindo Fernandes, destaca que o presidente do Senado representa uma liderança política, já que está à frente da organização da pauta do Senado e do Congresso, juntamente com os líderes partidários. Também é papel da Casa apreciar a aprovação de autoridades.

A presidência do Senado esclarece, em nota, que mesmo com a pandemia, a votação deve acontecer presencialmente, com as cédulas em envelope.

PUBLICIDADE

Recomendados