PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Homem não paga combustível, apanha e é preso

Cotidiano

27 de fevereiro de 2021 17:01

Da Redação


Relacionadas

Beneficiários do Bolsa Família começam a receber auxílio emergencial

Agressões contra crianças aumentaram na pandemia

Ministério da Educação divulga hoje resultado do Sisu 2021

Projeto cria programa de saúde mental no SUS na pandemia
Arns destaca luta pela menor tarifa no pedágio do PR
RodoNorte garante término das obras até novembro
STF forma maioria para anular condenações de Lula
PUBLICIDADE

Caso aconteceu na última quinta-feira. Confira as imagens

Em Ipiranga, na madrugada dessa quinta-feira (25), um homem foi preso por lesão corporal em um posto de combustível. Informações dão conta que o suspeito abasteceu a quantia de R$ 30 reais e se recusou a pagar, alegando não ter dinheiro. A Polícia Militar foi acionada e, ao chegar no local, fez a abordagem, além da revista pessoal e no veículo.

Não encontrando nada de ilícito, após a revista, o condutor apresentou a quantia de R$ 175,00, pagando o combustível e pedindo uma garrafa de água ao frentista. Na sequência, informou que aguardaria no local para alguém buscar o veículo, pois o próprio suspeito apontou que não tinha condições de dirigir.

Diante dos fatos, a PM saiu do local, ficando nas proximidades para posteriores situações. Foi então que, logo na sequência, os policiais ouviram barulhos e gritos dentro da conveniência do posto, onde acabaram de atender a ocorrência.

Ao chegarem novamente no local, perceberam que o homem já estava imobilizado. O frentista informou a PM que, após a saída da equipe da conveniência, o suspeito ficou alterado, desferindo socos e dizendo que iria pegar uma pistola para matar os dois funcionários do posto.

O agressor teria, então, arrombado a porta após as vítimas se trancarem no interior do estabelecimento, além de quebrar uma prateleira de mármore, duas imagens religiosas e suporte de geladeiras de bebidas.

Confira, no player acima, o momento em que o suspeito é detido.

PUBLICIDADE

Recomendados