PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

PM prende foragido da Justiça condenado a 76 anos de prisão

Cotidiano

13 de abril de 2021 17:30

Agência Estadual de Notícias


Relacionadas

Saúde distribuirá mais de 1 milhão de vacinas da Pfizer

Paraná registra mais 2.095 casos da covid-19 e 33 óbitos

Polícia interrompe festa clandestina com 600 pessoas

Destroços de 20 toneladas de foguete caem no Oceano Índico
Bolsonaro faz passeio de moto para homenagear Dia das Mães
Prefeitura forma alunos de curso de capacitação on-line
Dupla suspeita de invadir casa para assaltar morre baleada
Foto: PMPR
PUBLICIDADE

Homem que já tinha sido preso em 2019 é um dos líderes de uma organização criminosa e foi preso por homicídio e tráfico. Fuga dele ocorreu com o rompimento da tornozeleira eletrônica em abril do ano passado

Uma ação conjunta do 12º Batalhão e do Centro de Inteligência da Polícia Militar nesta terça-feira (13) resultou na prisão de um homem condenado a 76 anos de prisão em Curitiba. Ele estava foragido do sistema penitenciário há aproximadamente um ano e tem dezenas de passagens por homicídios, tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo. No momento da prisão foram apreendidas uma pistola e munições.

O homem já tinha sido preso pela Polícia Militar em 2019 e, segundo a Corporação, é um dos líderes de uma organização criminosa. A fuga dele ocorreu com o rompimento da tornozeleira eletrônica em abril do ano passado, quando foi beneficiado com a concessão de prisão domiciliar por conta da pandemia do coronavírus. A Polícia Militar, que já tinha o histórico criminoso dele, iniciou buscas sobre o seu paradeiro.

“Ele foi preso em um restaurante de luxo, numa ação com o sistema de inteligência. Ele agia na região de Campo Largo e, segundo informações, diversos homicídios que estavam ocorrendo perto da Capital eram devido à ação dele”, disse o comandante do 12º Batalhão, major Marcelo Krainski.

Com ele havia uma pistola de calibre 9mm, 37 munições, carregador, colete balístico, documento falso e uma peruca para ajudar no disfarce. De acordo com a PM, o homem esteve preso na Penitenciária Estadual de Piraquara e já fugiu em outras ocasiões, além de ser alvo de uma tentativa de resgate durante uma transferência.

PUBLICIDADE

Recomendados