PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Prazo para lances no leilão de veículos da PM termina quarta

Cotidiano

27 de abril de 2021 17:00

Agência Estadual de Notícias


Relacionadas

Tribunal do Júri condena Manvailer a 31 anos de prisão

Pacientes pós covid recebem tratamento especializado

Centro de Equoterapia da PM já atendeu mais de 5 mil famílias

Sorteios do Nota Paraná e Paraná Pay acontecem terça
Agência do Trabalhador registra melhor abril em sete anos
Homem morre após ser baleado por policial durante assalto
Duzentos colégios retornaram às aulas presenciais no PR
Foto: SESP/PR
PUBLICIDADE

São 98 veículos inservíveis para uso policial nas ruas, mas úteis para uso no cotidiano, fora da atividade. Com outros 99 veículos já leiloados, a PM coloca à venda, nestes dois lotes, 197 automóveis, motocicletas, ônibus e pequenos caminhões

Termina nesta quarta-feira (28), às 9 horas, o prazo para formalização de lances no leilão de 98 veículos da Polícia Militar do Paraná. Eles se tornaram inservíveis para uso policial nas ruas, mas são úteis para uso no cotidiano, fora da atividade.

Eles estão em pátios de quartéis de cidades do Oeste do Estado e em São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba. O dinheiro arrecadado nesse leilão servirá para reequipar a frota da Polícia Militar.

Toda a negociação ocorre virtualmente pelo site do leiloeiro. Os compradores precisam formalizar um cadastro com dados pessoais neste site para efetivar os lances. Com os outros 99 veículos já leiloados até esta terça-feira (27), a PM coloca à venda, nestes dois lotes, 197 automóveis, motocicletas, ônibus e pequenos caminhões.

O leilão é uma cooperação técnica entre a Secretaria da Segurança Pública, a Polícia Militar e o Departamento de Trânsito do Paraná (Detran). Todo o processo foi elaborado atendendo aos requisitos de viabilidade técnica, financeira, orçamentaria e jurídica, para dar o devido destino aos bens do Estado.

O principal objetivo é desonerar a PMPR de gastos excessivos com manutenção de veículos antigos, além de liberar espaço nos pátios de unidades da corporação para evitar proliferação de insetos e ratos e, consequentemente, focos de dengue e outras doenças. 

Segundo o chefe do Centro de Motomecanização da Polícia Militar, capitão Ismael Veiga, a meta é leiloar todos os veículos com mais de 10 anos de uso em um curto espaço de tempo. “Vamos otimizar a frota da PM através do descarte e leilão dos inservíveis, sucatas e veículos mais antigos e, posteriormente, adequar o número de viaturas à Corporação”, disse. O objetivo, explicou, é gerar menor custo possível ao contribuinte e utilizar as viaturas de forma eficiente.

O planejamento é de que todos os Comandos Regionais da PM e unidades especializadas sejam englobados por esta medida até o final de 2021, somando aproximadamente 1.800 viaturas retiradas dos pátios da Polícia Militar em todo o Estado. "Neste primeiro leilão, com dois lotes, são 197 viaturas leiloadas e temos a expectativa de, no próximo mês de maio, atender o Batalhão de Polícia de Fronteira e as unidades do Noroeste paranaense”, destacou o capitão.


Leilão

Os veículos estão nos pátios das unidades do 14º Batalhão (Foz do Iguaçu), 6º Batalhão (Cascavel), 3º Batalhão (Pato Branco), 21º Batalhão (Francisco Beltrão), 19º Batalhão (Toledo) e do 17º Batalhão (São José dos Pinhais). 

Conforme consta no edital, os veículos serão vendidos no estado de conservação em que se encontram. Para participar, os interessados devem se cadastrar no site que promove o certame www.danieloliveiraleiloes.com.br/externo e informar os dados pessoais. Podem participar pessoas físicas e jurídicas que não possuam algum tipo de ligação com a organização do leilão. 

Os cidadãos que vencerem o certame terão de 15 a 16 dias úteis para retirar o veículo do pátio, com todos os ônus legais de remoção e pagamento de taxas administrativas para legalizar a circulação do veículo.

PUBLICIDADE

Recomendados