PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Câmara debate impactos da Copa América no Brasil

Cotidiano

10 de junho de 2021 21:30

Agência Câmara de Notícias


Relacionadas

Beneficiários do Bolsa Família recebem auxílio hoje

Paraná formaliza acordo de cooperação mútua com os EUA

Homem pode ter morrido após descarga elétrica de celular

Apostador ganha o prêmio de R$ 7 mi da Mega Sena
Paraná confirma mais 10.415 casos de covid neste domingo
Polícia flagra mais de 800 pessoas em aglomerações
Saúde distribui 7,6 milhões de doses da vacina da AstraZeneca
Evento está previsto para acontecer de 13 de junho a 10 de julho. Foto: Lucas Figueiredo/CBF
PUBLICIDADE

Evento acontecerá nesta sexta (11) e terá transmissão ao vivo pela internet

A Comissão de Legislação Participativa da Câmara dos Deputados promove audiência pública nesta sexta-feira (11) para discutir os impactos da Copa América no enfrentamento da pandemia da covid-19.

O torneio está previsto para ser realizado no Brasil de 13 de junho a 10 de julho, após as desistências de Colômbia (por questões políticas) e Argentina (devido ao agravamento da crise sanitária) sediarem o evento.

Ações protocoladas no Supremo Tribunal Federal (STF) por partidos de oposição tentam suspender a competição, sob o argumento de que ela pioraria a situação do País. "São quase 500 mil mortes causadas pela pandemia, e o ritmo de vacinação não garantirá a devida imunidade para o Brasil sediar evento dessa magnitude", afirma o deputado Rogério Correia (PT), autor do requerimento da audiência.

O governo, por sua vez, defende a realização do torneio e sustenta que os jogos não terão público e serão adotados protocolos sanitários. Entre os pontos que precisarão ser respeitados, estão a realização de testagem das delegações a cada 48h, além do isolamento de atletas e comissões técnicas nos hotéis das cidades-sede (Brasília, Cuiabá, Goiânia e Rio de Janeiro), sendo liberada a saída apenas para treinos, jogos ou questão de saúde.

Convidados

Foram convidados para o debate representantes do Ministério da Cidadania; da Confederação Brasileira de Futebol (CBF); da Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol); e da Associação de Médicos pela Democracia.

Como assistir

A reunião será realizada no plenário 7, a partir das 10h. O público poderá acompanhar a discussão ao vivo e enviar perguntas ao participantes por meio do portal e-Democracia.

Informações: Agência Câmara de Notícias.

PUBLICIDADE

Recomendados