PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Vale é condenada a pagar R$ 1 mi por trabalhador morto

Cotidiano

11 de junho de 2021 11:02

Da Redação


Relacionadas

"Fora Bolsonaro", diz Anitta após 500 mil mortes pela covid

Mãe acorda e encontra bebê de dois meses morto em casa

Covid-19: Falso caminhoneiro fura fila da vacina no Paraná

Caso Lázaro: Exército cede rádios comunicadores no 14º dia de buscas
Juiz define fiança para motorista que atropelou motoboy em Curitiba
Homem finge entregar filha para matar ex a tiros
Morre jovem que empinou moto diante da viatura da PM
Foto: Adriano Machado/Reuters
PUBLICIDADE

Familiares e herdeiros terão direito a uma indenização de R$1 milhão 

A mineradora Vale  foi condenada a parar R$ 1 milhão por trabalhador assassinado no desastre de Brumadinho (MG). A juíza titular da 5ª Vara do Tribunal Regional do Trabalho de Betim (MG), Viviane Célia Ferreira Ramos Correa, entendeu que os familiares e herdeiros das 137 vítimas têm direito à indenização por danos morais.

O Sindicato Metabase Brumadinho entrou com ação para indenizar os 137 funcionários (do total de 270 mortos) diretos da mineradora, segundo os autores do processo, num total de R$ 137 milhões. 

A Vale questiona o direito do Sindicato de representar funcionários que já faleceram, e pretende impugnas a decisão. 

Leia na íntegra no Portal IG.


PUBLICIDADE

Recomendados