PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Na ONU, Bolsonaro diz ter salvo Brasil do socialismo

Cotidiano

21 de setembro de 2021 11:10

Da Redação


Relacionadas

Copel já atendeu mais de 9 mil ocorrências após temporal

Paraná comemora cinco anos da raça Purunã

Paraná prorroga medidas restritivas contra a covid

PR receberá R$ 930 mi para investir em projetos ambientais
Assembleia vota pela criação do Departamento de Polícia Penal
CPI pedirá indiciamento de Bolsonaro, Onyx e Queiroga
87% das cidades do PR vacinam adolescentes sem comorbidade
Jair Bolsonaro (sem partido) abriu a Assembleia-Geral da Organização das Nações Unidas (ONU) nesta terça-feira (21). Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

Às vésperas de visitar Ponta Grossa e os Campos Gerais, presidente discursa na ONU e diz que não existe corrupção no Brasil


O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) abriu a Assembleia-Geral da Organização das Nações Unidas (ONU) nesta terça-feira (21). O presidente começou afirmando que o Brasil não tem casos de corrupção desde que Bolsonaro assumiu o poder e atacou a imprensa. Além disso, também falou em respeito à democracia. 

"Venho aqui mostrar o Brasil diferente daquilo publicado em jornais ou visto em televisões. O Brasil mudou, e muito, depois que assumimos o governo em janeiro de 2019. Estamos há 2 anos e 8 meses sem qualquer caso concreto de corrupção", disse. "O Brasil tem um presidente que acreditam em Deus, respeita a Constituição, valoriza família e deve lealdade ao seu povo. E isso é muito. É uma sólida base, se levarmos em conta que estávamos à beira do socialismo." 

Bolsonaro foi o primeiro líder a falar após António Guterres, Secretário-Geral das Nações Unidas. É praxe que o primeiro discurso do evento seja do mandatário brasileiro. Essa é a segunda vez em que Bolsonaro abre a Assembleia-Geral da ONU de forma presencial, já que em 2020 o evento aconteceu de forma remota. 

Segundo Bolsonaro, ele apresentou um "novo Brasil" na ONU, com a "credibilidade recuperada". Apesar da inflação que o Brasil vive, o presidente falou em esforços para baratear alimentos e disse que o país tem "tudo que o investidor procura": "Um grande mercado consumidor, excelentes serviços, tradição de respeito à contratos e confiança no nosso governo". Em seguida, Bolsonaro anunciou que o leilão do 5G acontecerá "nos próximos dias". 


Assista ao discurso do Presidente da República


Preservação do meio ambiente

Sobre o tema ambientes, Bolsonaro afirmou que "nenhum país do mundo possui uma legislação tão completa" quanto a do Brasil. "Nosso código florestal deve servir de exemplo para outros países. O Brasil é um país com dimensões continentais, com grandes desafios ambientais. São 8,5 milhões de quilômetros quadrados, dos quais 66%, dois terços, são vegetação nativa, a mesma desde o seu descobrimento em 1500", afirmou. 

Com informações do Yahoo

PUBLICIDADE

Recomendados