PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Sem comprovante de vacina, vereador é barrado no Cristo

Cotidiano

27 de setembro de 2021 09:13

Da Redação


Relacionadas

Paraná prorroga medidas de enfrentamento à covid

PR receberá R$ 930 mi para investir em projetos ambientais

Assembleia vota pela criação do Departamento de Polícia Penal

CPI pedirá indiciamento de Bolsonaro, Onyx e Queiroga
87% das cidades do PR vacinam adolescentes sem comorbidade
Noite de gala assinala os 11 anos de existência do 4º CRPM
Ratinho apresenta Paraná a fundos soberanos de Abu Dhabi
Político se revoltou com a exigência de comprovante de vacinação. Foto: Reprodução/Facebook
PUBLICIDADE

Político se revoltou com a exigência de comprovante de vacinação

O vereador bolsonarista Nikolas Ferreira (PRTB-MG) foi barrado neste sábado (25) ao tentar entrar no Cristo Redentor sem comprovante de vacinação. A prefeitura do Rio de Janeiro exige o documento para a entrada em espaços de uso coletivo desde o dia 15 deste mês.

No Instagram, o político de Belo Horizonte disse que perguntou a uma funcionária se poderia fazer um exame PCR para comprovar que não tem covid-19.

Segundo Nikolas, ele foi informado de que, mesmo após o exame, ele não poderia entrar no ponto turístico sem o comprovante. Em um dos vídeos, o vereador aparece discutindo com uma funcionária, que o manda voltar para casa.

“Isso diz respeito a controle. Um monte de gente vai separando e segregando. Aqui pode vacinado, aqui não pode”, diz o vereador.

Em outra postagem, ele afirma não ser contrário à vacinação, mas ao que chama de segregação das pessoas. “Eles vão fazendo isso com coisas pequenas e, depois, com coisas maiores. Então, hoje, você não pode visitar um ponto turístico, um lugar público. Ano que vem vai ser o quê?”

Veja a notícia completa no site da Banda B, parceira do Portal aRede.

PUBLICIDADE

Recomendados