PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Presidiário é morto com mais de 10 tiros enquanto trabalhava

Cotidiano

06 de dezembro de 2021 16:38

Da Redação


Relacionadas

Instalação de antisséptico em banheiros públicos é lei no PR

Ensino domiciliar no Paraná será normatizado em fevereiro

Governo vai investir R$ 1,1 bi em obras rodoviárias no Paraná

Holambra arrecada 7 toneladas de feijão para hospitais
Tenente é suspeita de matar soldado durante treinamento
Empresário morre após esposa militar atirar contra ele
IAT resgata 60 aves nativas no sudoeste do Paraná
Nesta tarde, um suspeito chegou a pé pelas costas do homem, efetuou mais de 10 tiros e fugiu em um carro, modelo Gol branco Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

Nesta tarde, um suspeito chegou a pé pelas costas do homem, efetuou mais de 10 tiros e fugiu em um carro, modelo Gol branco

Um presidiário que cumpria pena na Colônia Penal de Piraquara, na Região Metropolitana de Curitiba, foi assassinado a tiros na tarde desta segunda-feira (6), enquanto trabalhava no jardim da fachada da Prefeitura da cidade.

De acordo com a apuração do repórter Lucio André, da RICtv, o homem trabalhava no local há cerca de um mês, cuidando das flores que ficam na fachada do governo municipal. Nesta tarde, um suspeito chegou a pé pelas costas do homem, efetuou mais de 10 tiros e fugiu em um carro, modelo Gol branco.

O carro usado para fuga do suspeito foi encontrado incendiado a cerca de dois quilômetros de distância da prefeitura. O presidiário morto cumpria pena por homicídio desde março deste ano.


Atualização

O presidiário foi atingido por mais de 14 tiros de pistola 9mm. O homem foi identificado como Peterson Tiago de Souza.

PUBLICIDADE

Recomendados