PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Caixa lança linha que antecipa frete a caminhoneiros

Cotidiano

26 de dezembro de 2021 08:57

Da Redação


Relacionadas

Guedes defende taxar super-ricos e desonerar empresas

PR quer imunizar 4,3 milhões de pessoas contra a gripe

TSE começa a testar nova versão do aplicativo e-Título

Ciro Gomes testa positivo e suspende pré-campanha
Deputado quer penas mais severas para golpes eletrônicos
Contran beneficiará motorista que não cometer infração
Bolsonaro acumula 11 infrações gravíssimas e não é multado
Adesão poderá ser feita a partir de janeiro de 2022 Foto: Tomaz Silva/ Agencia Brasil
PUBLICIDADE

Profissionais da estrada poderão aderir, a partir do dia 24 de janeiro à linha com taxas a partir de 1,99% ao mês

A partir de 24 de janeiro, as empresas de transporte rodoviário de carga poderão antecipar os fretes na Caixa Econômica Federal. O banco lançará uma linha de operação de capital de giro para o setor, com os recursos caindo diretamente na conta dos transportadores autônomos.

A linha terá juros a partir de 1,99% ao mês. Segundo o banco, a taxa máxima de juros dependerá do perfil de cada empresa, baseado no histórico de crédito do tomador.

As empresas que contratam serviços de frete a prazo poderão pedir à Caixa que antecipe o pagamento diretamente para o transportador autônomo, que receberá o valor à vista na conta-corrente, caso seja correntista da Caixa, ou na conta poupança digital, caso use o aplicativo Caixa Tem.

Só poderão ser antecipados os fretes com registro no sistema da Secretaria de Fazenda local, com base no Manifesto Eletrônico Fiscal, documento com informações sobre a carga e os responsáveis pelo transporte. O empréstimo será amortizado em parcela única, com vencimento na data do pagamento do frete estipulada no MDF-e.

Assim que a linha começar a operar, as empresas de transporte de cargas deverão pedir a habilitação do limite de crédito em qualquer agência da Caixa, mediante avaliação de crédito. Após a aprovação do limite, as empresas poderão contratar os empréstimos diretamente pelo Gerenciador Financeiro do banco.


As informações são da Agência Brasil

PUBLICIDADE

Recomendados