PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Mulher é vítima de feminicídio em São Mateus do Sul

Cotidiano

07 de janeiro de 2022 11:02

Da Redação


Relacionadas

Lojas MM entrega mais um caminhão de prêmios

Ratinho Jr. destaca papel do Sul para crescimento do Brasil

Doria desiste da pré-candidatura à Presidência

Calendário do IPVA das placas de finais 9 e 0 acaba hoje
Carro de concurseiro pega fogo a 1 Km da prova
Caixa paga parcela do Auxílio Brasil para beneficiários
Mulher reaparece após ser dada como morta no litoral de SP
Janaína Pedro dos Santos, de 27 anos. Foto: Reprodução
PUBLICIDADE

A jovem Janaína Pedro dos Santos, de 27 anos, deixa um filho de quatro anos

Uma mulher foi vítima de feminicídio em uma área afastada de São Mateus do Sul, na noite desta quinta-feira (6).

Janaína Pedro dos Santos, de 27 anos, foi morta a facadas e o corpo foi encontrado na frente da residência do casal, no interior do distrito de Lageado, no município, por volta das 23h. O marido dela foi preso em flagrante.

O Corpo de Bombeiros foi acionado às 22h50 para atender à ocorrência do crime em família. Ao chegar ao local, de difícil acesso, a vítima já estava sem vida e o marido estaria deitado ao lado do corpo.

“O agressor estava no local. Como tivemos informações de que ele seria o autor do crime, tivemos que conter ele na varanda até a chegada da Polícia Militar, que levou ele para a delegacia”, disse o socorrista Zananski.

Janaína foi ferida com três facadas no peito e uma no braço, segundo as primeiras informações dos Bombeiros. “A faca estava a uns oito metros [de distância] do local do corpo, jogada atrás da casa”, relatou o bombeiro.

De acordo com Zanaski, o homem deu um pouco de trabalho. “Ele estava fingindo um surto psicótico. Batia a cabeça no chão e jogou um banco contra a guarnição.”

Uma equipe da Rondas Ostensivas Táticas Metropolitanas (ROTAM) encaminhou o marido de Janaína até o pronto-socorro municipal e, posteriormente, para a 3ª Subdivisão Policial de São Mateus do Sul.

Conforme os Bombeiros, enquanto discutiam, ambos saíram do imóvel e do lado de fora o homem a teria atacado com três facadas no peito e uma no braço.

O casal tem um filho de 4 anos. A criança estava com vizinhos quando os Bombeiros chegaram, mas teria presenciado o início da briga do casal, segundo o próprio pai. Vizinhos e familiares teriam relatado que o casal costumava brigar e que a vítima já havia sido ameaçada.

Também estiveram no local do crime o Delegado de Polícia Civil e um investigador, assim como o Instituto de Criminalística e o Instituto Médico Legal (IML) de União da Vitória, para recolher o corpo.

O corpo de Janaína está sendo velado no salão da Igreja da Comunidade do Lageado. O sepultamento será sábado (8), às 8h, no Cemitério de São Miguel da Roseira.

Com informações: Banda B.

PUBLICIDADE

Recomendados