PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

PF e Receita Federal investigam quadrilha de tráfico no PR

Cotidiano

28 de janeiro de 2022 10:24

Agência Brasil


Relacionadas

Estrada do Socavão recebe R$ 10 milhões via Aline Sleutjes

Inscrições para o Enem 2022 terminam no sábado

Conta de água e esgoto no PR sobe a partir de amanhã

Corteva abre 53 novas vagas para estágio
Inscrições para Encceja 2022 começam dia 24 de maio
Eclipse total da Lua é visto e registrado por paranaenses
Homem erra alvo e mata mãe a tiros no Paraná
Criminosos atuavam no Porto de Paranaguá. Foto: Reuters/Rodolfo Buhrer/Direitos Reservados
PUBLICIDADE

Criminosos atuavam no Porto de Paranaguá

Grupos criminosos que atuam dentro do terminal portuário de Paranaguá são alvos da Operação Reach Stackers da Polícia Federal (PF) e da Receita Federal nesta sexta-feira (28). Eles enviavam carregamentos de cocaína para o exterior em contêineres, sem o conhecimento do exportador, na modalidade conhecida internacionalmente como rip on/rip off.

Segundo a PF, foram expedidos oito mandados de prisão temporária e nove de busca e apreensão para cumprimento nas cidades paranaenses de Paranaguá, Matinhos e Piraquara. Também foram decretadas medidas patrimoniais de sequestro de imóveis e bloqueio de valores existentes em contas bancárias e de aplicações financeiras.

“Os investigados são responsáveis por fornecer informações privilegiadas sobre posições, rotas e cargas dos contêineres para subsidiar organizações criminosas em ações no Porto de Paranaguá, além de movimentarem os contêineres de forma a possibilitar a inserção dos carregamentos de cocaína dentro do pátio do terminal portuário", explicou a PF.

Os criminosos responderão pelos crimes de tráfico transnacional de entorpecentes, com penas que podem chegar até 25 anos de reclusão para cada ação perpetrada, bem como pelos crimes de organização criminosa e de associação para o tráfico, que podem chegar a 24 anos de reclusão.

A operação foi batizada de Reach Stackers em alusão ao equipamento de mesmo nome utilizado em terminais portuários para o deslocamento de contêineres.

Com informações: Agência Brasil.

PUBLICIDADE

Recomendados