PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Ministro quer acordo para suspender reajuste da luz

Cotidiano

18 de maio de 2022 14:28

Da Redação


Relacionadas

Paccar Financial celebra 3 anos com resultados recordes

"Aquece Paraná" arrecada mais de 40 mil peças de roupa

Polícia prende cinco pessoas envolvidas em roubos de cargas

Sesa distribui mais de 369 mil vacinas contra a Covid-19
Boletim da Covid aponta mais 3.783 casos e 52 óbitos no PR
Estado anuncia investimento da Fiocruz em planta de vacinas
Detran passa a aceitar PIX em todas as guias de pagamento
Ministério de Minas e Energia quer uma proposta viável para redução da tarifa de energia Foto: Agência Brasil
PUBLICIDADE

Adolfo Sachsida se reuniu com Lira, líderes partidários e Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel)


O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur lira (PP-AL), disse nesta quarta-feira (18) que espera “em um prazo bastante curto” um encaminhamento por parte do Ministério de Minas e Energia de uma proposta viável para redução da tarifa de energia. A declaração foi dada após reunião com o ministro da pasta, Adolfo Sachsida, representantes da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), líderes de partidos e representantes da sociedade civil.

As discussões se concentram na viabilidade do PDL 94/22 (Projeto de Decreto Legislativo de Sustação de Atos Normativos do Poder Executivo). O texto, de autoria do deputado Domingos Neto (PSD-CE), que tramita na Casa, suspende a decisão da Aneel que autorizou o reajuste da conta de luz dos consumidores atendidos pela Enel Distribuição, no Ceará.

“Tivemos uma reunião bastante produtiva, onde o ministro Sachsida saiu daqui com a incumbência de se reunir com as distribuidoras, com a Aneel e com os parlamentares para discutir uma saída equilibrada para que possa, a partir desse momento, ter um encaminhamento de solução para diminuição desse repasse que, apesar de contratual, pode ser minimizado no momento ainda de grande dificuldade com a retirada da bandeira e com incremento desse aumento por das distribuidoras”, ressaltou Lira.

O presidente da Câmara acrescentou que espera que a solução “venha da sensibilidade da Aneel e das distribuidoras, que fazem das concessões, neste momento do Brasil, um tema de muita discussão”.

A expectativa é de que até o final do dia de hoje o ministro de Minas e Energia traga ao Legislativo novidades sobre as discussões.

Com informações da Agência Brasil

 

PUBLICIDADE

Recomendados