Presidente de Portugal se reúne com Lula e irrita Bolsonaro

Líder português desconvidado para almoçar com Bolsonaro após confirmar agenda com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva

Líder português foi desconvidado para almoçar com Bolsonaro após confirmar agenda com o ex-presidente
Líder português foi desconvidado para almoçar com Bolsonaro após confirmar agenda com o ex-presidente -

Da Redação

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

Líder português foi desconvidado para almoçar com Bolsonaro após confirmar agenda com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva

“Ninguém morre.” Essa foi a reação do presidente de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa, ao ser desconvidado para almoçar com o seu homólogo brasileiro. Incomodado com a informação de que o português se reuniria também com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Jair Bolsonaro cancelou o encontro, sem maiores explicações.

Marcelo, como ele prefere ser chamado pelos portugueses, mostrou indiferença a situação. O mandatário também terá encontros com os ex-presidentes Fernando Henrique Cardoso e Michel Temer.

O presidente português deixou claro que a relação entre Portugal e Brasil ultrapassa um aperto de mão protocolar em Brasília e que o fundamental é “olhar para os povos”: a forte presença brasileira em Portugal e vice-versa.

Esta é a sexta vez que o presidente de centro-direita, filiado ao Partido Social-Democrata, visita o Brasil desde que assumiu o cargo, em 2016. Esteve três vezes com Bolsonaro e, no ano passado, também se encontrou com os três ex-presidentes brasileiros.

Aos 73 anos, Marcelo, ou simplesmente “Professor”, tem a seu favor a popularidade, o traquejo e a experiência política.

Informações do G1