PUBLICIDADE

Cliente reage a assalto em pizzaria em Curitiba; assista

Boletim de ocorrência foi realizado na Polícia Civil, que investiga o caso

Boletim de ocorrência foi realizado na Polícia Civil, que investiga o caso
Boletim de ocorrência foi realizado na Polícia Civil, que investiga o caso -

Da Redação

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

Uma tentativa de assalto foi registrada por câmeras de segurança em uma pizzaria do bairro Bacacheri, em Curitiba. Nas imagens, que foram divulgadas nesta segunda-feira (26), é possível ver o momento em que dois falsos entregadores rendem atendente e clientes, com objetivo de levar pertences pessoais e o dinheiro do caixa. O caso aconteceu na última quinta-feira (22) e as imagens mostram que pelo menos um dos clientes reage ao crime.

De acordo com um comerciante da região, que optou por não se identificar, constantes apelos por mais policiamento são feitos na região.

“Nesse caso, um dos bandidos tenta pegar o dinheiro do caixa e o outro vai até o cliente, para pegar o celular. Um reage e o outro tenta ajudar, sendo detido pelos clientes. Eles só conseguem fugir mesmo após um dos assaltantes jogar a moto para dentro da loja”, explica.

Informações iniciais apontam que os assaltantes teriam conseguido levar três celulares. Boletim de ocorrência foi realizado na Polícia Civil, que investiga o caso.

O crime aconteceu em um centro comercial, localizado ao lado de uma farmácia e uma academia na Rua México. Comerciantes de toda a rua pedem mais rondas policiais para inibir as ações criminosas.

Assista ao vídeo abaixo:

VÍDEO
O caso aconteceu na última quinta-feira (22) e as imagens mostram que pelo menos um dos clientes reage ao crime. | Autor: Reprodução
 

Outro lado

A Banda B entrou em contato com a Polícia Militar, que informou que, por meio do 20º Batalhão, responsável pelo policiamento no Bairro Bacacheri, e que as medidas necessárias para o combate às situações de assaltos na região já vem sendo tomadas por meio de policiamento preventivo, realizado diuturnamente.

“Foram diversas prisões em flagrante delito por furto e/ou roubo, entre o período de julho a setembro. Contudo, acompanhando o sistema de investigação SESP/intranet, do Departamento Penitenciário constatou-se que nenhum dos conduzidos permanecem presos.

Ou seja, foram liberados em audiências de custódia trazendo o prejuízo nos índices criminais que agora se reflete em desfavor do cidadão, vitima da possível reincidência destes criminosos.

Não obstante, novas ações estão sendo desenvolvidas tantos nos locais apontados quanto em outros locais identificados como alvos destes criminosos, sendo constante o levantamento e controle estatístico. Inevitavelmente ocorrerão prisões e pessoas serão encaminhadas à Justiça. Sugere-se que outros órgão públicos responsáveis pelo sistema de justiça criminal também participem na atuação da segurança pública, tomando providências em favor do cidadão de bem”, informa.

Com informações. Banda B

PUBLICIDADE

Conteúdo de marca

Quero divulgar right

PUBLICIDADE