Grêmio e Bahia deixam confronto das quartas em aberto

Esporte

11 de julho de 2019 07:32

Da Redação

  • Comentários
    0 compartilhados
  • Imprimir

Relacionadas

Copa Nosso Campinho inicia a 2ª fase no Los Angeles

Copa do Brasil define hoje os quatro semifinalistas

Telêmaco Borba recebe etapa decisiva do Estadual de vôlei

PYL FC estreia na segunda fase do Paranaense
Skatistas radicalizam em PG e são premiados
Operário Sub-19 sofre derrota para o Coritiba no Paranaense
Torneio reúne 300 jovens legionários em PG
Artilheiro da Copa América, Everton foi destaque do Grêmio na partida Foto: Pedro H. Tesch/AGIF
PUBLICIDADE

Em Porto Alegre, o duelo entre tricolores terminou com uma igualdade em 1 a 1. Everton anotou para o time da casa e Gilberto empatou para o Bahia

Na noite desta quarta-feira (10), Grêmio e Bahia deram o pontapé inicial nas quartas de final da Copa do Brasil 2019. Na Arena do Grêmio, o primeiro duelo tricolor terminou com um empate em 1 a 1. O segundo e derradeiro confronto entre as equipes acontece no dia 17, na Arena Fonte Nova, em Salvador.

O jogo

Tricolor de um lado, Tricolor de outro e o jogo começou equilibrado na Arena do Grêmio. Até que, a partir dos dez minutos, o Imortal tomou conta do setor ofensivo. Enquanto o time da casa tentava, o Esquadrão fechou as portas para o ataque gremista. Os baianos até ameaçaram uma resposta. Aos 29, Eric Ramires arriscou da entrada da área levando perigo ao gol de Paulo Victor. Daí em diante só deu Grêmio.

O bombardeio do Tricolor gaúcho começou com Everton Cebolinha. Na marca dos 33, o atacante finalizou de fora da área e viu o chute passar raspando a meta baiana. Na sequência do lance, Jean Pyerre aproveitou a sobra do escanteio e carimbou a trave. Quatro minutos depois, foi a vez de André ter a chance, mas Douglas Friedrich fez milagre para evitar o gol.

Já aos 45 minutos, Everton recebeu passe em profundidade, foi derrubado já dentro da área e arbitragem assinalou pênalti para o Imortal. Com a bola na marca da cal, só havia um cobrador possível: o artilheiro da Copa América. E como manda o manual, Cebolinha deslocou o goleiro para um lado e mandou a bola para o outro: 1 a 0 e fim de primeiro tempo.

Sem dar trégua, o jogo voltou do intervalo a todo vapor. Logo aos três minutos, saiu o empate do Bahia. Após cobrança de escanteio, Moisés fez o desvio e Gilberto apareceu para completar direto para o fundo das redes: 1 a 1. Os donos da casa voltaram a assustar em finalizações de Everton e Luan, que esbarraram na falta de pontaria e nas mãos de Douglas Friedrich.

O Esquadrão não ficou para trás e quase chegou ao segundo. Aos 33, Artur recebeu lançamento, fez boa jogada individual e bateu cruzado, mas Paulo Victor apareceu para salvar o Grêmio. Já nos minutos finais, o confronto ganhou ainda mais em emoção. Luan tentou para o lado gaúcho e Artur respondeu para os baianos. Mas a rede insistiu em não balançar mais e a igualdade no placar permaneceu até o apito final.

Informações Confederação Brasileira de Futebol.

PUBLICIDADE

Recomendados

IVC Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização
aRede aRede
aRede
aRede