Furacão e Inter decidem final da Copa do Brasil

Esporte

10 de setembro de 2019 19:20

Da Redação


Relacionadas

Flamengo vence Grêmio a amplia vantagem na ponta

PG Vôlei se prepara para estreia em casa na Superliga

Max Verstappen vence GP do Brasil de Fórmula 1

Ponta Grossa Vôlei perde por 3X0 em estreia na Superliga
Operário perde para o Guarani fora de casa
Ponta Grossa Vôlei estreia na Superliga fora de casa
OFEC Sub-17 perde nos pênaltis e está eliminado do Paranaense
PUBLICIDADE

O primeiro jogo da decisão está marcado para 21h30 desta quarta-feira, na Arena da Baixada. A finalíssima será na quarta seguinte, às 21h30, no Beira-Rio

O Athletico inicia na quarta-feira, às 21h30, a busca pelo 31° título de sua história. O Furacão enfrenta o Internacional para tentar acrescentar a Copa do Brasil a uma galeria que tem um Brasileirão, uma Sul-Americana, uma J. League/Conmebol, uma Seletiva da Libertadores, uma Série B e 25 estaduais.

O Athletico vive o seu melhor momento na história. O clube conquistou o primeiro título continental, a Sul-Americana de 2018, e o primeiro título fora da América do Sul, a J. League/Conmebol de 2019. Além disso, o clube ganhou o estadual com um time de aspirantes em 2018 e 2019.

O primeiro jogo da decisão está marcado para 21h30 desta quarta-feira, na Arena da Baixada. A finalíssima será na quarta seguinte, às 21h30, no Beira-Rio. O gol como visitante, na Copa do Brasil, não é critério de desempate. Empate na soma dos resultados leva direto para os pênaltis.

O Rubro-Negro chegou à decisão depois de eliminar Fortaleza [oitavas de final], Flamengo [quartas de final] e Grêmio [semifinal]. Nas seis partidas disputadas, apenas o goleiro Santos e o volante Bruno Guimarães estiveram em campo durante todos os minutos.

“Agradeço ao Tiago e à comissão pela importância que tenho ganhado junto ao grupo”, disse Bruno Guimarães. “Fico feliz em poder ajudar a equipe e por estarmos em uma final tão importante. Será um grande jogo e vamos tentar fazer uma grande partida”, complementou.

O camisa 39 chegou ao Furacão em 2017. De lá para cá, ajudou o Clube a conquistar o Campeonato Paranaense e a Conmebol Sul-Americana, em 2018, e a Levain Cup, em agosto deste ano.

Em sua quinta final, Bruno Guimarães busca seu primeiro título nacional vestindo a camisa rubro-negra. “É uma chance única, e se a gente conseguir conquistar, ficará para sempre na minha memória e na do Clube”, ressaltou.

O adversário da decisão será o Internacional, que superou o Cruzeiro na semifinal. Antes, o time gaúcho eliminou o Palmeiras, nas quartas de final, e o Paysandu, nas oitavas de final.

“A equipe do Inter é ‘cascuda’, com grandes jogadores. Eles procuram os lançamentos e as finalizações”, analisou o volante athleticano. “Nosso jogo tem que ser igual e contamos com o apoio do nosso torcedor. Vamos fazer o melhor dentro de campo”, finalizou.

Raphael Claus (SP) apita a partida, com Rodrigo Figueiredo Henrique Corrêa (RJ) e Neuza Ines Back (SP) nas bandeiras. Luiz Flávio de Oliveira (SP) será o responsável pelo VAR, o árbitro de vídeo.

Inter acredita em superação

O Inter chegou à final da Copa do Brasil depois de eliminar Paysandu, vencedor da Copa Verde, Palmeiras, atual campeão brasileiro, e Cruzeiro, bicampeão da Copa, nas respectivas fases de oitavas, quartas e semifinal. Estando 100% em casa na competição, com vitórias nas três partidas que disputou no Beira-Rio, o Clube do Povo alcançou, ainda, outros dois triunfos - e somente um revés - nos duelos jogados fora de seus domínios.

Créditos: Gabriel Machado/AGIF

PUBLICIDADE

Recomendados

IVC Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização
aRede aRede
aRede
aRede