Inter vence Universidad de Chile e avança na Libertadores

Esporte

12 de fevereiro de 2020 07:22

Da Redação


Relacionadas

Brasil de Pelotas derrota Botafogo-SP fora de casa

Fantasma mede forças com o Cuiabá em data especial

Palmeiras fica no empate com o Grêmio em Porto Alegre

Coritiba vence o Vasco e deixa o rebaixamento da Série A
Paranaense estreia contra equatoriano no quali de Roland Garros
Nacional de Rolândia e Toledo perdem na estreia da Série D
Operário empata em 1X1 com a Ponte Preta
Em casa, Colorado foi superior na maior parte do jogo e garantiu vaga na próxima fase Foto: Ricardo Duarte/Internacional
PUBLICIDADE

Vitória por 2 a 0 coloca o Colorado na última fase antes da etapa por grupos da Libertadores; próximo adversário sai do duelo entre Macará e Tolima

O Inter recebeu, na noite desta terça-feira (11), a Universidad de Chile, em confronto que finalizou a segunda fase preliminar da Libertadores. Iniciado às 19h15, o duelo acompanhado por mais de 41 mil pessoas foi encerrado com vitória do Coorado pelo placar de 2 a 0, gols de Boschilia e Marcos Guilherme.

Com o triunfo, os brasileiros avançam para a terceira fase preliminar do torneio, última antes dos grupos. O adversário nesta sairá do vencedor de embate entre Macará e Tolima.

O Inter iniciou a partida em ritmo intenso, encurralando os chilenos em seu campo de defesa e não permitindo respiro aos visitantes. Antes de serem completados 10 minutos, já eram quatro as boas oportunidades do Colorado, que esbarrou tanto em defesas do goleiro Campos, quanto da zaga.

Para responder, a Universidad abusou da cera e das faltas, assim reduzindo a velocidade ao longo da segunda metade da etapa inicial. Decidido a abrir o placar antes do intervalo, conseguiu, após pressão na saída de bola rival, recuperar a posse na intermediária com Boschilia e, dos pés do camisa 21, abrir o placar aos 42.

Apesar da vantagem no placar, o Inter retornou a campo na etapa final disposto a ampliar a diferença no placar. Para tanto, reeditou, nos primeiros 10 minutos, o roteiro do primeiro tempo, criando grandes oportunidades em sequência. Dono da posse, o Colorado, com a entrada de Marcos Guilherme na vaga de D'Alessandro, permitiu-se explorar os espaços que o time chileno deixava em sua defesa. Exatamente de um destes, aos 30 minutos partiu o camisa 23 que, após deixar dois marcadores no chão, estufou as redes visitantes e garantiu o segundo e último tento alvirrubro no duelo.

O Colorado volta a campo pela Libertadores no próximo meio de semana, quando abre, fora de casa, o duelo por vaga nos grupos do torneio. Antes disso, no próximo sábado (15) o Beira-Rio será palco de Gre-Nal, confronto único da semifinal do primeiro turno do Gauchão.

Informações assessoria de imprensa.

PUBLICIDADE

Recomendados