CBF descarta volta da torcida em jogos do Brasileirão

Esporte

28 de setembro de 2020 11:03

Da Redação


Relacionadas

Presidente do Athletico dispara contra torcida após empate

Operário leva 3 gols no 2º tempo e é goleado pelo CRB

Fantasma busca vitória hoje contra o CRB pela Série B

Atleta de PG é destaque internacional em evento virtual
Operário viaja para enfrentar o CRB em Maceió
Flamengo empata e perde chance de virar líder
Cruzeiro anuncia Luiz Felipe Scolari como novo técnico
Além dos Clubes da Série A, participaram da discussão os presidentes de Federações Estaduais que sediam jogos da competição. Foto: Reprodução/Pexels
PUBLICIDADE

A decisão foi tomada por unanimidade entre os 19 Clubes presentes, em reunião, por videoconferência, realizada na tarde deste sábado (26) às 15h

Decisão ocorreu por unanimidade em reunião por videoconferência realizada neste sábado, 26, que contou com a presença da CBF, dos Clubes da Série A e das Federações Estaduais correspondentes.

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e os Clubes da Série A do Campeonato Brasileiro decidiram manter o veto à presença de torcedores nos estádios durante a realização do Brasileirão Assaí 2020, conforme previsto na Diretriz Técnica Operacional de Retorno das Competições, publicada em 24 de julho de 2020, que estabelece os protocolos de prevenção à epidemia de Covid-19.

A decisão foi tomada por unanimidade entre os 19 Clubes presentes, em reunião, por videoconferência, realizada na tarde deste sábado, 26, às 15h. O Clube de Regatas do Flamengo não esteve presente no encontro. Além dos Clubes da Série A, participaram da discussão os presidentes de Federações Estaduais que sediam jogos da competição.

O presidente da CBF, Rogério Caboclo, e os presidentes dos Clubes declararam-se favoráveis ao retorno gradual do público aos estádios, desde que com aval das autoridades de saúde locais, de forma isonômica e guiado por todas as medidas protetivas previstas no estudo encaminhado pela CBF ao Ministério da Saúde.

Como isso, no momento, ainda não é possível, ficou acordada a retomada do debate do tema a cada 15 dias para reavaliação do cenário em âmbito nacional.

Com a decisão, a partida da Seleção Brasileira contra a Bolívia, válida pelas Eliminatórias da Copa do Mundo FIFA 2022, no dia 9 de outubro, em São Paulo, igualmente será realizada sem a presença de torcedores.

Informações CBF

PUBLICIDADE

Recomendados