PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Operário vence o Coritiba por 1X0 no Germano Krüger

Esporte

03 de abril de 2021 17:53

Da Redação


Relacionadas

Operário goleia o Athletico por 4 a 0 na Arena da Baixada

PG busca alternativa para o retorno do futebol society

Jean Carlo e Schumacher recebem homenagens

Federação Paranaense confirma jogos de Coritiba e Paraná
FPF homologa partida entre Athletico e Operário
Cianorte vence e avança de fase da Copa do Brasil
Goleiro Vitor é apresentado no Operário
PUBLICIDADE

Em partida disputada no Germano Krüger, em Ponta Grossa, válida pelo Campeonato Paranaense, o Operário vence o Coritiba por 1X0

 
Com um retrospecto de um empate, uma vitória e uma derrota, o Operário Ferroviário Esporte Clube (OFEC) entrou em campo no estádio Germano Krüger, na tarde deste sábado (3) para encarar o Coritiba, então invicto. E fez valer o fator casa para obter a segunda vitória no certame e quebrar a invencibilidade do time da capital, vencendo a disputa por 1X0. A partida, que começou às 16 horas, foi válida pela quinta rodada do Campeonato Paranaense de Futebol. Agora, o Operário ocupa a terceira posição no campeonato, com 7 pontos, um a mais que o Coritiba.

Nesta, que foi a quarta partida do Fantasma na competição, o time começou pressionando e marcando forte, de forma adiantada, para não deixar o visitante ganhar volume de jogo. E a tática deu certo: o Coxa mal chegou à área de ataque no primeiro tempo. Já o Operário chegou com perigo duas vezes, com uma cabeçada de Pedro Ken e um chute forte de Leandro Vilela. Os primeiros 45 minutos terminaram 0X0.

O segundo tempo começou com um Operário diferente: saíram Marcelo e Ricardo Bueno, para entrar Felipe Garcia e Schumacher. E a exemplo do primeiro tempo, o time da casa começou mais forte, pressionando, chegando ao gol com perigo por duas vezes dentro de 12 minutos.

Aos 17 do segundo tempo que as redes balançaram pela primeira vez: depois de um cruzamento, Schumacher subiu e cabeceou forte, por cima de Arthur, anotando 1X0 para o Fantasma. Depois, o técnico do Operário procedeu com três alterações, aos 22, 26 e 35 minutos, para tirar Rafael Oller, Alex Silva e Jean Carlo, para colocar Fabiano, Fábio Alemão e Leandrinho. O Coritiba também mexeu no time, mas quem voltou a chegar com perigo foi o Operário, aos 39 minutos, com um chute de Leandrinho, que desviou na marcação e saiu pela linha de fundo.

Aos 41 minutos, a primeira expulsão da partida: Matheus Bueno dá um tapa no pescoço de Leandro Vilela e leva o cartão vermelho. Aos 45, sobe a placa de mais seis minutos de acréscimo. Nesses minutos finais o Coritiba até tentou reagir, mas sem sucesso.

PUBLICIDADE

Recomendados