PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

António Oliveira entrega cargo e deixa comando do Athletico

Esporte

09 de setembro de 2021 15:25

Da Redação


Relacionadas

Corrida em Uvaia encerra inscrições esta semana

Leões do Tatame recebem menção honrosa da ALEP

Operário arranca empate contra o Cruzeiro

Com muitas informações, cobertura de esportes ganha novos atores
Matheus Costa se torna técnico mais longevo da Série B
Operário enfrenta o Cruzeiro fora de casa pela Série B
Lesão grave pode tirar Jean Carlo da Série B
António Oliveira teve 21 vitórias, 7 empates e 12 derrotas no comando do Athletico PR. Foto: José Tramontin/Athletico
PUBLICIDADE

Técnico deixa o clube após eliminação no Paranaense para o FC Cascavel

António Oliveira não é mais técnico do Athletico PR. O treinador português não suportou a derrota para o FC Cascavel pela semifinal do campeonato Paranaense e eliminação do torneio, e entregou o cargo na manhã desta quinta-feira. 

O treinador deixa o clube com 58% de aproveitamento. Durante o comando, Oliveira teve 21 vitórias, 7 empates e 12 derrotas na beira do gramado do rubro negro. O que também pesou para a saída do treinador foi a sequência ruim no campeonato brasileiro, no qual o Athletico ocupa a nona posição com 24 pontos, e uma sequência de 6 jogos sem vencer.  

António Oliveira deixa o clube nas semifinais da Copa Sul-Americana, onde o clube enfrenta o Peñarol (URU) e nas quartas de finais da Copa do Brasil, no duelo de volta do time rubro negro contra o Santos. A partida de ida na Arena da Baixada, terminou com vitória por 1 a 0 do Athletico, que tem vantagem do empate na Vila Belmiro. 

Conforme informações antecipadas pelo Globo Esporte, o treinador estava descontente com alguns membros da Comissão Técnica, William Thomaz e Mario Celso Petraglia, por conta da necessidade de reforços. O treinador sentia a necessidade de contratações, e já estava incomodado. O clube passa a correr atrás de um substituto. Por enquanto, no comando técnico da equipe deve permanecer Paulo Autuori, que realiza o papel de treinador e diretor, com apoio de Bruno Lazaroni e Bernardo Franco.

PUBLICIDADE

Recomendados