PUBLICIDADE

Em jogo polêmico, reservas do Fla vencem o Santos

Vitória de 3 a 2, no estádio do Maracanã, coloca time carioca na vice-liderança do Brasileirão

Pedro (foto) foi um dos poucos titulares que entrou em campo
Pedro (foto) foi um dos poucos titulares que entrou em campo -

Da Redação

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

Mesmo sem entrar em campo com força máxima, o Flamengo foi melhor e derrotou o Santos por 3 a 2 na noite desta terça-feira (25) no estádio do Maracanã; com o resultado, o rubro-negro assume a vice-liderança do Campeonato Brasileiro com 61 pontos.

Já pensando na final da Copa Libertadores - no próximo sábado (29) contra o Athletico-PR em Guayaquil (Equador) - o técnico Dorival Júnior decidiu mandar a campo uma equipe com alguns reservas. Porém, a decisão não diminuiu em nada o ímpeto ofensivo do Rubro-Negro, que dominou as ações no primeiro tempo, criando várias oportunidades de marcar.

E, de tanto tentar, a equipe da Gávea abriu o placar aos 49 minutos, quando Marinho esticou na direita para Matheuzinho, que foi até a linha de fundo e cruzou rasteiro para Pedro, com muita categoria, finalizar de letra para marcar um golaço.

Mas os jogadores do Santos protestaram muito após o gol. Isto porque, na origem da jogada, Matheuzinho derrubou Camacho dentro da área do Flamengo, mas o juiz, mesmo com o auxílio do VAR (árbitro de vídeo), confirmou o gol.

No retorno do intervalo o Peixe estava mais ligado e, logo aos 7 minutos, empatou graças a finalização de cabeça do zagueiro Alex. Porém, o Rubro-Negro queria chegar motivado à final da Libertadores, e arrancou a virada com gols de Marinho, aos 32 minutos, e de Arrascaeta, aos 41.

Já aos 51 minutos, o Santos ainda descontou com um belo gol do argentino Carabajal, mas o time da Gávea administrou a vantagem para garantir a vitória diante de mais de 44 mil torcedores.

As informações são da Agência Brasil

PUBLICIDADE

Conteúdo de marca

Quero divulgar right

PUBLICIDADE