PUBLICIDADE

Amiga da vítima de Daniel Alves diz que também foi assediada

Situação teria sido revelada em depoimento à Justiça de Catalunha, em Barcelona, que investiga o caso

Daniel Alves segue preso na Espanha
Daniel Alves segue preso na Espanha -

Da Redação

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

Após ter sido preso preventivamente devido a uma acusação de agressão sexual, Daniel Alves recebe uma nova denúncia. Uma amiga da suposta vítima disse em depoimento à Justiça que foi apalpada violentamente pelo jogador.

O crime teria acontecido no fim do último mês de dezembro, na boate Sutton, em Barcelona. A denunciante, de 23 anos, estava acompanhada de duas pessoas. Uma delas afirma que o atleta passou a mão em suas partes íntimas e só parou quando ela conseguiu se desvencilhar e se afastar.

A jovem de 23 anos afirma que Daniel a seguiu até o banheiro e lá a estuprou. Já o jogador deu três versões diferentes: primeiro, afirmou que não teve nenhum contato com a mulher, depois, que eles se encontraram no banheiro, mas não fez nada. Por último, afirmou que teve relações sexuais consensuais com ela.

A suposta vítima passou por exames médicos após deixar a boate. Segundo a imprensa espanhola, foi detectado sêmen em seu vestido, além de lesões em seu corpo compatíveis com violência sexual.

As informações são do portal Metrópoles

PUBLICIDADE

Conteúdo de marca

Quero divulgar right

PUBLICIDADE