Exames pré-operatórios para cuidar da próstata aumentada

Homem-comportamento

20 de fevereiro de 2019 13:40

Da Redação

  • Comentários
    0 compartilhados
  • Imprimir

Relacionadas

Dificuldade de ir ao banheiro fora de casa tem explicação

Cerca de 42 milhões de brasileiros sofrem com a calvície

Exames pré-operatórios para cuidar da próstata aumentada

Por que não faz sentido mulher ganhar menos que homem
Cabelo masculino sem queda e sem caspa: como conseguir?
Dicas para cuidar da barba no verão
Infarto agudo do miocárdio: aprenda a identificar
Foto: Divulgação Pixabay
PUBLICIDADE

Avaliação pelo urologista antes e após a Embolização das Artérias da Próstata (EAP) é obrigatória

Segundo uma pesquisa feita pela Sociedade Brasileira de Urologia, 50% dos homens que procuram urologistas, fizeram isso apenas porque as namoradas ou esposas fizeram pressão.  Boa parte do problema é uma questão de cultura.

A avaliação pelo urologista antes e após a Embolização das Artérias da Próstata (EAP) é obrigatória. O urologista é o especialista que sempre irá lhe acompanhar com relação às enfermidades urogenitais. De acordo com a Resolução do Conselho Federal de Medicina, não se deve realizar esse procedimento sem uma prévia avaliação e indicação pelo urologista.

O médico fará o toque retal e exame clínico geral. De acordo com o Parecer/Resolução do Conselho Federal de Medicina, os exames complementares a serem solicitados são:

1.       Toque Retal;

2.       Exames Clínicos;

3.       Teste de PSA (mede uma proteína chamada antigênico específico da próstata no sangue;

4.       Exame de sangue e urina de rotina pré-operatória;

5.       Estudo Urodinâmico para uma avaliação funcional da bexiga;

6.       Ultrassonografia;

7.       Ressonância magnética da próstata.

Informações Assessoria de Imprensa






PUBLICIDADE
IVC Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização
aRede aRede
aRede
aRede