PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

'Loba do Tinder' é presa pela Polícia Civil no interior de SP

Insana

10 de março de 2021 17:31

Da Redação


Relacionadas

Padre anuncia em missa que está apaixonado e deixa a Igreja

Vídeo assustador mostra suposto Lobisomen do PR

'Loba do Tinder' é presa pela Polícia Civil no interior de SP

Homem com covid é preso após passar saliva em carros
Cemitério é palco de festa clandestina com 150 pessoas
Homem se esconde em aeroporto por medo da covid
Casal faz sexo enquanto espera por ônibus na Indonésia
Segundo delegado, Patrícia Coutinho Pereira aplicou golpes em mais de 100 vítimas Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

Segundo delegado, Patrícia Coutinho Pereira aplicou golpes em mais de 100 vítimas

Policiais civis de Campinas (SP) prenderam, nesta quarta-feira (10), Patricia Coutinho Pereira, mais conhecida como "Loba do Tinder", procurada pela polícia do DF e investigada desde 2017 pelos crimes de estelionato, difamação e extorsão, já que usa o aplicativo de relacionamento para aplicar golpes.

Sandro Jonasson, delegado titular do 11º DP de Campinas e que coordenou a ação que prendeu a jovem, contou que a equipe chegou até a "Loba do Tinder" durante outra investigação de estelionato. Patrícia foi presa no bairro Parque Valença I e encaminhada ao distrito para registro da ocorrência.

Segundo Jonasson, Patrícia levantava recursos aplicando golpes pelo aplicativo e teria feito vítimas nos estados de São Paulo e Minas Gerais, além do Distrito Federal. Uma das vítimas, inclusive, seria um delegado da Polícia Federal, que teria sido chantageado e acabou com "dados bancários manipulados".

Ao ser presa em 2018, a Polícia Civil do DF informou que Patrícia já havia feito mais de 100 vítimas - somente uma delas alegou prejuízo de R$ 50 mil. Como havia o mandado de prisão expedido pela comarca de Gama (DF) e Patrícia será enviada agora ao DF.

Com informações do G1 Campinas

PUBLICIDADE

Recomendados