Festa das Nações terá show gospel internacional

Mix

23 de maio de 2019 18:12

Da Redação


Relacionadas

Crônicas dos Campos Gerais: “Time bom pra cachorro”

Rapper Stanley homenageia filha em nova música

Relacionamentos: o que fazer para dar certo em 2021

Veja as previsões astrais para 2021
Mudanças econômicas transformadas no mundo da moda
Coluna 'Na Trilha da Fé: Paróquia Nossa Senhora da Luz
Crônicas dos Campos Gerais: “Diálogos da Natureza”
PUBLICIDADE

Festa das Nações comemora os 25 anos da Comunidade Terapêutica e neste ano traz show gospel internacional 

A Festa das Nações da Paróquia Santa Rita de Cássia acontece a partir deste sábado (25), na Praça Hilda Roedel, no bairro da Ronda, em Ponta Grossa. Além dos tradicionais pratos típicos de vários países, show de prêmios, missas todos os dias, apresentações musicais, a festa traz novidades de peso. Uma delas é a inclusão na programação da comemoração dos 25 anos da Comunidade Terapêutica da Copiosa Redenção, na Chácara de Uvaia, a primeira casa de recuperação de Ponta Grossa. Para marcar o jubileu, todas as noites, antes dos shows, serão apresentados videos, com testemunhos de pessoas que estão vivendo a sobriedade, contando como foram resgatados pela Comunidade.

Também consta na programação que a missa do dia 27, às 19h30, será celebrada pelo padre Wilton Moraes Lopes, fundador da congregação e da comunidade terapêutica. 

Outro diferencial são os shows, que estão programados para todos os dias, promovendo atrações locais, mas também nacionais e até internacionais. “Estou imensamente feliz por isso. Primeiro, porque diz da nossa história, a ‘paróquia em chamas’ da abertura a tudo que é bom e novo, sem desconsiderar o que existe. Martin Valverde é muito ligado aos acampamentos, suas músicas marcaram muitas gerações. Para quem foi marcado por músicas dele é uma grande graça, e, para quem ainda não conhece é uma grande oportunidade”, citou padre Pedro. Além do cantor espanhol, a Festa das Nações traz apresentações de ainda as apresentações do espanhol Migueli Marín Eugênio Jorge e Ziza Fernandes. “Essa junção do que é nacional, internacional e local é a Igreja de Cristo, é a Igreja que o Papa Francisco tem nos recordado sempre: uma Igreja em saída. É sempre um risco fazer um show grande, abrir uma festa como temos aberto, todos os anos, mas Deus quer uma igreja arriscada”, justificou o pároco.

Os quatro cantores formaram o grupo Enredados e se apresentam na Festa das Nações na noite do dia 31, às 20 horas.


Comunidade terapêutica Copiosa Redenção

A ‘Chácara de Uvaia’, como é conhecida, iniciou os trabalhos com padre Wilton em 1989 e foi inaugurada em 1993. Ela deu origem a diversas outras comunidades terapêuticas, em todo o Brasil. “Nós da Copiosa Redenção, temos história na Paróquia Santa Rita. Já que a congregação tem servido a paróquia, pensamos em trazer alguns testemunhos de pessoas que passaram pelo processo de recuperação, ou, ainda estão em recuperação”, comentou o pároco, padre Pedro Cláudio Mendes

PUBLICIDADE

Recomendados