Participação de Anitta em “Amor de Mãe” é perfeitamente dispensável

Mix

13 de fevereiro de 2020 05:00

Da Redação


Relacionadas

Globo volta a autorizar gravações de novelas no exterior

Cidades da região caem na folia neste carnaval

“Gênesis” vem com uma proposta de novela bem diferente

Infográfico conta a história do Carnaval pelo mundo
Conheça os novos personagens de Resident Evil
Vice da Band vê “projeto político” por trás da criação da CNN Brasil
Bloco dxs Polacxs invade praça neste sábado em PG
Foto:
PUBLICIDADE

A Globo marcou para o próximo dia 27, uma quinta-feira, o início de exibição das cenas gravadas por Anitta para “Amor de Mãe”.

Sabrina, a personagem dela, vai se aproximar de Ryan, cantor interpretado por Thiago Martins, e tentar tirar proveito da fama que ele já conquistou no mercado musical.

Como se vê, todo um malabarismo para tornar possível a sua especial presença e passar a quem assiste a imagem de alguma verdade.

Tudo muito bom, tudo muito bem, só que essas participações pitorescas – a da Anitta agora e das tantas outras zilhões que já aconteceram-, em vez de alguma necessidade ou contribuição artística, só acontecem para chamar um pouquinho mais de atenção para a novela. 

No fundo, como se vê, uma grande bobagem. E um artifício que para “Amor de Mãe”, na altura que está e os resultados que vem conquistando, é perfeitamente dispensável. 

PUBLICIDADE

Recomendados